https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

SOLILÓQUIO

 
Tags:  introspecção  
 
SOLILÓQUIO
 
Fiz-me poeta, um dia e, pela vida afora,
Saí cantarolando coisas da alma pura.
Em tudo via graça e cor e formosura...
Desiludido e só, diante do espelho, agora

Escuto de minh’alma a voz de escárnio, dura:
- “Por que não cantas essa dor que te devora ?
Enalteceste o amor, cantando à vida, outrora,
Agora canta!... Agora canta à desventura!...”

..................................................

Alma infeliz que sou!... Por que te afliges tanto?
Ninguém pode ascender sem conhecer o pranto!
Que eu sorva, agora, o fel por dádiva, também!

Tisnem-se os dias meus, venham os dissabores!...
Que amargue, miserando, as merecidas dores!
Hei de saber vencê-las e seguir além...




Sergio de Sersank
Visitem meu blog literário "Estado de Espírito"
http://sersank.blogspot.com

(Do opúsculo "Oásis de Luz", de Sersank)
(Direitos autorais registrados e protegidos por lei)

Imagem: Saint Francis in ecstasy, de Francisco de Zurbaran
 
Autor
Sergio de Sersank
 
Texto
Data
Leituras
1459
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
28 pontos
20
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 21/11/2010 02:32  Atualizado: 21/11/2010 02:32
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: SOLILÓQUIO
Poeta,

Um soneto que aplaudo!!!!Bravo!!!

Abraço
varenka

Enviado por Tópico
RaipoetaLonato2010
Publicado: 21/11/2010 02:35  Atualizado: 21/11/2010 02:35
Colaborador
Usuário desde: 13/03/2010
Localidade: Paulínia-SP
Mensagens: 2655
 Re: SOLILÓQUIO
Canta o poeta os seus dissabores,volta ao vazio dos abraços, lembranças dos amores.
Lindo poema,amigo.

Enviado por Tópico
Sergio de Sersank
Publicado: 21/11/2010 02:37  Atualizado: 21/11/2010 02:37
Super Participativo
Usuário desde: 13/01/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 159
 Re: SOLILÓQUIO
Agradeço-te pela postagem de estímulo, querida Varenka!
Bj afetuoso,
Sergio Sersank

Enviado por Tópico
Sergio de Sersank
Publicado: 21/11/2010 02:45  Atualizado: 21/11/2010 02:45
Super Participativo
Usuário desde: 13/01/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 159
 Re: SOLILÓQUIO
Meu caro poeta Raimundo Lonato, agradeço o "feed-back".
Por oportuno quero dizer que já havia associado naturalmente o teu nome à interessante "Canção de Ninar Palavras". Marcou.
Meu abraço.
Sergio

Enviado por Tópico
Julio Saraiva
Publicado: 21/11/2010 02:50  Atualizado: 21/11/2010 02:50
Colaborador
Usuário desde: 13/10/2007
Localidade: São Paulo- Brasil
Mensagens: 4206
 Re: SOLILÓQUIO
você trabalha a forma clássica como poucos. por isso pode chamar a poesia de você. este poema seu, afora as rimas primorosas, é de uma elegância fantástica.

j.

Enviado por Tópico
Sergio de Sersank
Publicado: 21/11/2010 03:00  Atualizado: 21/11/2010 03:00
Super Participativo
Usuário desde: 13/01/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 159
 Re: SOLILÓQUIO
Meu caro JULIO,
Sou como você um amante da poesia.
Desde cedo tenho com ela convivido. Claro que sem frescura, com naturalidade, porque a Poesia é uma arte e - como tal, paira acima das bobagens que inventamos.
Ela me tem feito melhor porque me faz expressar tudo o que rola na alma, apesar de que nem tudo (a maior parte)fique apenas nos rascunhos...
Meu abraço,
Sergio Sersank










Enviado por Tópico
poetaedsilva
Publicado: 21/11/2010 04:19  Atualizado: 21/11/2010 04:19
Novo Membro
Usuário desde: 21/11/2009
Localidade:
Mensagens: 1
 Re: SOLILÓQUIO
Magnífica inspiração poeta, somos poeta, cantamos no embalo do sentimento, e para quem critica a forma poética fixa, ela é apenas o refinamento da nossa emoção, VALEU AMIGO. SE PUDER LEIA MEUS DOIS SONETOS DA CONCIÊNCIA NEGRA.

Enviado por Tópico
Sergio de Sersank
Publicado: 21/11/2010 04:46  Atualizado: 21/11/2010 04:46
Super Participativo
Usuário desde: 13/01/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 159
 Re: SOLILÓQUIO
Caro poeta Ed Silva,
Li, sim, os dois sonetos que fizeste em homenagem ao Dia da Consciênkcia Negra.
Muito bons.
Tomei a liberdade de divulgá-los através do Facebook.
Meu abraço e agradecimentos pelo comentário.
Sergio Sersank

Enviado por Tópico
Sergio de Sersank
Publicado: 21/11/2010 05:41  Atualizado: 21/11/2010 05:41
Super Participativo
Usuário desde: 13/01/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 159
 Re: SOLILÓQUIO
Ficaria te ouvindo (ou lendo), por horas a fio, Julio. Tens, mesmo, muito a dizer sobre o Leminski e coisas, assim, correlatas. Ele, apesar das críticas, bebia muito mas escrevia com uma sobriedade de fazer inveja aos mais eruditos abstêmios, não é mesmo?
Ele dizia que "escrever é pensar. Quem pensa mal, escreve mal".
Era realmente um gênio, orgulho das letras do meu Paraná.
Abraço,
Sergio Sersan k

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 21/11/2010 20:55  Atualizado: 21/11/2010 20:55
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: SOLILÓQUIO
Guarda-te o amor e algo para dor, pois quem morreu não sabe... Agradeço imensamente por esa leitura, imensamente. bjs

Enviado por Tópico
Sergio de Sersank
Publicado: 22/11/2010 00:11  Atualizado: 22/11/2010 00:11
Super Participativo
Usuário desde: 13/01/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 159
 Re: SOLILÓQUIO
Vania Lopez, Fico feliz por teres gostado do poema que em síntese, procura expressar a a razão e finalidade de ser poeta. Desejo-te o máximo sucesso como escritora e artista plástica! Bj! Sergio Sersank