https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

"ARTIFICAÇÃO"

 
Amordaço as palavras incessantes...
O lustro de uma escrita incandescente,
Magia sonhadora tão fluente!
A “artificação”, estados semblantes!

Poesia que traz tantos amantes,
Faz-nos levitar, escassos instantes,
Imortaliza a escrita destas gentes,
Profetiza-se em gostos indigentes!

Carga de criações tão adoradas,
O âmago das flores clareadas...
Um poeta respira a imensidão!

Em campos cultivados de palavras,
Ó poesia, tão bela, que em nós lavras
Os sonhos longos e a realização!

António Botelho


Há muito que meus tons melódicos poéticos não se gesticulam em escrita ou sapiência mental, pois eis que o amor chegou e a poesia abafou...

 
Autor
antóniobotelho
 
Texto
Data
Leituras
824
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
4
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/03/2011 00:36  Atualizado: 26/03/2011 00:36
 Re: "ARTIFICAÇÃO"
Ola Antonio! Bom ve-lo de novo por aqui postando sonetos! Ficou muito bom! Deixo-lhe um abraco!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/03/2011 01:09  Atualizado: 26/03/2011 01:09
 Re: "ARTIFICAÇÃO"
Olá, meu amigo poeta! Muito bom te ver de volta ao luso e com este belíssimo soneto! Parabéns!

abraços