https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Eterno?

 
Tags:  amor    paixão    eternidade    alexsander moura eterno  
 
Em pensar que um dia tive a ilusão de crer no eterno
De jurar que meu amor seria para sempre, e que nos amariamos eternamente
Sem saber que o eterno nem sempre dura para sempre
Enquanto estou sempre pensando em você e imaginando nós dois

Queria ser seu porto seguro, seu confidente, nem que fosse apenas um amante
Já que eramos amantes de um mesmo ideal, de um mesmo sonho
Hoje somos apenas dois pontos de enterrogação separados por algumas estrofes
E o que fazer se seu rosto vem toda a noite me acompanhar

Olho para as estrelas lembrando das noites que mesmo distante esteve ao meu lado
Leio as cartas com a intensidade de como se estivesse lendo pela primeira vez
As fotos ficam me chamando para relembrar o passado que se faz presente
E seu cheiro vem como o cheiro de chuva no verão, me fazendo lembrar de que não foi eterno.

 
Autor
AlexsanderMoura
 
Texto
Data
Leituras
541
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 28/06/2011 02:49  Atualizado: 28/06/2011 02:49
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9716
 Re: Eterno?
Boa noite Alexsander, seus versos narram um fato comum nas relações afetivas, o desacerto que redunda na cisão do relacionamento, parabens pelo seu instigante poema, MJ.