https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

Abandono

 
Á margem da sociedade
Vejo uma caixa de sonhos
Tocando àquela saudade
De outros tempos, risonhos

Por força do destino
Pousado em ombro idoso
Aquele velho violino
Solta um som harmonioso
Solta o som
Por entre uma cidade
Que se cruza em corrida
Sem dó nem piedade
Louca e desprendida.

Como se desune
A nossa raça
Que consegue e passa
Imune
Sim imune
A essas notas que soam
A musica sofrida
De solidão, de tristeza
E voam!...
Em abandono de vida.

bloackt:


Nascer para ser feliz

 
Autor
bloackt
Autor
 
Texto
Data
Leituras
4775
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.