https://www.poetris.com/
 
Rondel : 

A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.

 

A tristeza habita em mim sem permissão,
Maculando o meu humor banindo a alma,
Mas são confusas estas minhas conclusões,
Como entender as aflições que me acalmam.

São contraditos os desejos sem missões,
Os devaneios saem dos poros que exalam
A tristeza habita em mim sem permissão,
Maculando o meu humor banindo a alma,


Quando nasci trouxe esperança ao mundo,
Havia um anjo neste corpo em construção,
Mas as mazelas do crescer tem dimensões,
E as aventuras que idealizam as sensações,
A tristeza habita em mim sem permissão.


Miguel Jacó

 
Autor
Migueljaco
 
Texto
Data
Leituras
1239
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
8
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Odairjsilva
Publicado: 18/10/2011 13:37  Atualizado: 18/10/2011 13:37
Membro de honra
Usuário desde: 18/06/2010
Localidade: Cáceres, MT
Mensagens: 2635
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
Prezado colega. Uma escrita muito bem elaborada. Gostei muito. Parabéns.

Sou grato, também, pelas visitas constantes nos meus textos. Fico lisongeado com comentários de pessoas como você.

Abraços poéticos.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 18/10/2011 13:56  Atualizado: 18/10/2011 13:56
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
Migueljaco

Quando te leio,mesmo que coloque todos adjetivos,
faltará mais adjetivos.És O POETA!Mil beijos.Varenka

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 18/10/2011 13:57  Atualizado: 18/10/2011 13:57
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29045
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
EU POEMA MOSTRA UMA TRISTEZA, UMA DOR QUE ESTA MACULANDO EM SUAALMA, PEDE PARA ESSA TRISTEZA PERMISSÃO PARA VOCÊ COMEÇAR AMAR NOVAMENTE,UM ESTIGANTE POEMA QUE MARAVILHA DE POEMA.

MARTISNS

Enviado por Tópico
jessicaseventeen
Publicado: 18/10/2011 15:42  Atualizado: 18/10/2011 15:42
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2011
Localidade: Coimbra, Portugal
Mensagens: 920
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
A tristeza invade-nos sem a desejarmos e o escuro habita no nosso coração e na nossa alma.

Gostei da sua poesia *

Beijinhos *

Jessica Neves

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 18/10/2011 22:13  Atualizado: 18/10/2011 22:13
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11165
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
Miguel,
Parece que esse é o destino das almas mais sensíveis que absorevem as dores do mundo.
Beijo
Nanda

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 19/10/2011 11:09  Atualizado: 19/10/2011 11:09
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
Caro poeta Miguel,um poema que saiu como um grito vindo lá do profundo.Por mais que resistimos este mal sempre nos atinge,mas o ser humano é capaz de a ele sempre vencer!
Parabéns pelo belo poema!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 21/10/2011 12:27  Atualizado: 21/10/2011 12:27
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
caro poeta, a tristeza realmente é ferina quando invade a nossa alma e você a expressou muito bem nesses versos tão sentidos.

seu poema é Divyno!
um abraço amygo.

Enviado por Tópico
apegaua
Publicado: 06/11/2011 07:05  Atualizado: 06/11/2011 07:05
Da casa!
Usuário desde: 27/07/2010
Localidade: Bresil.
Mensagens: 310
 Re: A TRISTEZA HABITA EM MIM SEM PERMISSÃO.
Parabéns Miguel.
Pela inspiração.
Abraços.
Apegaua.