https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

AMOR LOUCO II

 
Tags:  amor    louco    estúpido  
 
Deixas-te a marca vincada
E no auge mais doloroso do prazer
A tempo de ver cheguei atrasada,
Na primeira fila vi, o espectáculo espectacular:

Senti a tua mão forte a agarrar nos meus cabelos
Tive tempo de ver esse olhar triunfador
De garganta virada para tua navalha
Engoli em seco a ver esse sorriso escarnecedor
Sedento de dor, de amor que nunca foi depositado em ti
E que numa estirada tiraste-me o chão, o pão, o amor, o valor e me reduziste ao que achas que era
Num movimento forte que trazia morte
Vincaste a lâmina no meu coração
Arrancando cada tendão
Com prazer, sorris-te e voltas-te a viver
Mas na vida que não era tua
E vais cravando sempre que necessário em outra parte do meu corpo, cada vez que tento salvar-me.


O Silêncio inspira-me.

 
Autor
EuniceContente
 
Texto
Data
Leituras
833
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 19/11/2011 21:57  Atualizado: 19/11/2011 21:57
 Re: AMOR LOUCO II
Texto dorido, triste..., e de grande beleza.

Niki