https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Pobre juventude

 
Tags:  drogas    armas    BEBIDAS    munição  
 
Open in new window

Pobre juventude

Triste mundo que agora estamos a conhecer
Onde a juventude tem toda a vida pela frente
Em vez de estudar e trabalhar para sobreviver
Vivem no mundo das drogas tão deprimente

As indústrias dos narcóticos e os traficantes
Para ganhar dinheiro dizimam a juventude
Muitos de armas e munição são fabricantes
No intuito de se proteger, o povo se ilude

Assim as mentiras vão destruindo o mundo
E levando ao lares um caos tão profundo
Que levam os pais e os filhos à desunião

Narcóticos e armas se vê a todo instante
Mas nenhuma campanha séria e importante
Se faz para acabar com esta aberração.

jmd/Maringám 27.02.12




verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
858
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 27/02/2012 21:23  Atualizado: 27/02/2012 21:23
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29155
 Re: Pobre juventude
UM POEMA EXUBERANTE, QUE ENCANTO

MARAVILHA, DEIXO MEU ABRAÇO