https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

INVERNO MAIS FRIO

 
Tags:  amor  
 
INVERNO MAIS FRIO

Este inverno que agora chega,
sera certamente o mais frio
de todos os meu invernos
vividos.

Vai faltar aconchego,
não terá teu olhar, nem teu abraçar,
que só me fazia esquentar.

Não vai ter aquele Estrogonofe de chocolate quente,
gostoso e saboroso, que contigo,
tanto queria de novo compartilhar.

Vai faltar aquele vinho bem encorpado,
que eu bebi com você todo enamorado.

Vai faltar a aquela sopa de ingredientes diversos,
que tua criatividade de cozinheira eximia,
fazia com tanto Amor, me fez por você cativar.

Ah, esse inverno vai ser mais frio,
não tanto pelas coisas que se faz para ameniza – lo,
mas sim e principalmente pela sua ausência,
sem a sua enebriante convivência, que desta vez,
sem você irei ter que penosamente suportar.

Então daqui deste poema, triste e singelo,
te desejo um inverno bem quente,
e que você esteja sempre bem agasalhada,
bem humorada, bem amparada,
em sua nova empreitada.

E eu daqui te mando todo o meu ardor,
para que você sinta muito calor,
e sem ressentimentos, aceita – o
como prova do meu Eterno Amor.

M . A. Tisi

( 20/06/2012 )




Marco Tisi

 
Autor
MarcoTisi
Autor
 
Texto
Data
Leituras
943
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ro_
Publicado: 20/06/2012 10:59  Atualizado: 20/06/2012 10:59
Colaborador
Usuário desde: 25/09/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 3985
 Re: INVERNO MAIS FRIO
''E eu daqui te mando todo o meu ardor,
para que você sinta muito calor,
e sem ressentimentos, aceita – o
como prova do meu Eterno Amor.''

Belíssimo!
Parabéns!

*-*

Enviado por Tópico
Runa
Publicado: 20/06/2012 19:22  Atualizado: 20/06/2012 19:22
Colaborador
Usuário desde: 24/04/2010
Localidade: Santo Antonio Cavaleiros
Mensagens: 1177
 Re: INVERNO MAIS FRIO
Qualquer ausência, por si só, já é um frio inverno. Neste caso, são dois invernos: um que enregela por dentro e outro que enregela por fora... O que vale é que, a seguir ao inverno, volta sempre a primavera.

Abraço

Runa