Poemas -> Amor : 

“ Corações em Silêncio ”

 
Duas almas de avexo
Dois semblantes nostálgicos
Não há mais algum Zunido
Não sinto o toque mágico

Bombardeamentos Silenciosamente altos
Um espírito esbodegado no asfalto
Cá dentro é que há Guerra
Almejando um dia uma nova era
O que restou foi a Quimera

Brilhante como o Esmeril
Transparecendo no seu ser Verosímil
A Voz não liberta o eco
Perdendo um Amor, Perdeu seu ego

Ficou agora a utopia
Meu corpo arde
O que sinto é nostalgia
Não sou cobarde
O silêncio é nossa companhia
Todos sistemas estão comprometidos
O Cardíaco agora é falido
Os restantes sofrerão traumatismo
Meu espírito a beira do abismo

O silêncio dos nossos corações
Tornou-se em trevas antropófagas
Nas quais meu corpo se afoga

Oh Silêncio!
Porquê o coração está em Silêncio?
Porquê nossos corações estão em silêncio?
Será o fim ?










" Reflexos da Vida "


 
Autor
Chambal
Autor
 
Texto
Data
Leituras
942
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.