https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

(Des) configuração

 
(Des) configuração
 
******


Poesia: minha palavra preferida


O que vejo
É paisagem queimando
no horizonte
virando tição.
cousas (ainda)
incandescem
entre pedras
de carvão

[estrelas rebeladas
contra a incineração]

Antes que (as brasas) se unam
(em combustão)
Fecho os olhos,
até que venha o clarão.
 
Autor
MarySSantos
 
Texto
Data
Leituras
655
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 18/01/2013 13:45  Atualizado: 18/01/2013 13:45
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9329
 Re: (Des) configuração
Bom dia Mary, seus versos narram um acena em que a transformação se faz necessária.
Parabéns pelo seu instigante poema, e pela linda foto ilustrativa, um grande abraço, MJ.