https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Janete

 
Lá fora
o luar bate com força,
as estrelas quase se perdem
e o vento sopra baixinho.

Cá dentro
a solidão impera
e o desespero me afoga devagarinho
tudo por te amar, Janete.

 
Autor
Samukas
Autor
 
Texto
Data
Leituras
540
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
7 pontos
7
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
velhopescador
Publicado: 28/05/2013 18:23  Atualizado: 28/05/2013 18:23
Colaborador
Usuário desde: 01/03/2013
Localidade: Marília-SP Brasil
Mensagens: 1098
 Re: Janete
Olá, Samukas
E eu, aqui dentro, não durmo
com o barulho do luar, que bate com força,
e o murmúrio do vento que sopra baixinho.

Não faça isso com ele, Janete!
Você consegue dormir?

Abraço
><>

Enviado por Tópico
Onde_está_o_@mor?
Publicado: 28/05/2013 21:13  Atualizado: 28/05/2013 21:13
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2013
Localidade: Funcheira
Mensagens: 690
 Re: Janete
A Janete é como a minha pastora, dá dores de coração.voce escreve bem
abraço


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 28/05/2013 21:29  Atualizado: 28/05/2013 21:29
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16676
 Re: Janete
Poeta
Essas musas estão demais! Rsrs
Adorei! Beijos!
Janna

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 29/05/2013 13:48  Atualizado: 29/05/2013 13:48
 Re: Janete
Bela declaração, poema lindo, parabéns