https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

My treasure

 
If they only knew my power,
They'd succumb to the pleasure.
Then they'd hide, they'd cower,
In a terror without measure.

The treasure is bright but poisonous,
Baits anything in its bower,
But there's no sign for that dangerous
Highly armed defensive tower.

Ridiculous evil green flower
No one yet understands,
No one yet could scour.

Poetry never truly ends.
It blends and waits for it's hour,
And in the right time it stands.


"Even though i walk through the valley of the shadow of death, i will fear no evil..."

 
Autor
Leugimiur
Autor
 
Texto
Data
Leituras
719
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/07/2013 16:58  Atualizado: 28/07/2013 17:03
 Re: My treasure
comparo a poesia com meu melhor tesouro, mesmo que seja; ora arma, escudo, perfume, beijo ou veneno... gostei de lê-lo. mas, me permita uma sugestão; se o esse texto for traduzido em Português, deverás suprimir as repetições dos 'eles' na primeira estrofe, pra ficar bonito.
meu abraço carioca.