https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Os cortes

 

É tanta a austeridade
Que avassala o meu País
Só sabem falar de cortes
Podam as árvores pela raiz.

Novos e velhos preocupados
Com o destino desta nação
Os novos não têm emprego
Os velhos ficam sem o pão.

Numa busca incessante
Por dinheiro ou algo mais
Fazem cortes em todo lado
Nem escapam os hospitais.

O povo anda cansado
Sem saber o que fazer
O governo atarefado
Com as pensões de viuvez

Chegou a hora de ir embora
Deixe o povo respirar
Leve consigo o Paulinho
Saudades não vão deixar.
(Gaspar Oliveira)


Gaspar oliveira

 
Autor
gasparoliveira
 
Texto
Data
Leituras
348
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.