https://www.poetris.com/
 
Textos : 

Rega-me

 
Contraditório o teu ego
Que suspiras observar outras flores que não a sua,
Em tal jardim que antes regado, hoje fica triste com teu
Abandono...
Jardineiro dos poemas, que belo é teu canto enquanto
Sentas em teu comodismo quase irritante...
Vês que sou tua, antes mesmo de eu florescer ou o nascer do sol
Que aquece teu rosto pelas manhãs, ou mesmo antes de colher
Outra flor...
Rega-me mais uma vez



Nanda

 
Autor
fernandamoreira
 
Texto
Data
Leituras
835
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
24 pontos
6
1
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 24/01/2014 11:45  Atualizado: 24/01/2014 11:45
 Re: Rega-me
Que assim seja... Belo!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 24/01/2014 12:48  Atualizado: 24/01/2014 12:48
 Re: Rega-me
esse jardineiro anda-se a portar mal. parabéns, Fernanda.


Enviado por Tópico
Manufernandes
Publicado: 24/01/2014 14:13  Atualizado: 24/01/2014 15:27
Subscritor
Usuário desde: 09/12/2013
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3865
 Re: Rega-me
Na incerteza e na busca da rosa mais bela,
esquece-se,ele, que a Natureza nãoé inerte
nem permanente como uma tela.
Esquece que a orquidea é mais constante
não é. como flor e beleza um simples "flert"
a bela rosa.. bela foi mas por um mero instante.

Muito bonito o sentimento de amor que transmite.
Como dizia um cómico brasileiro, "tem pai que é cego!"

Enviado por Tópico
AnabelaSaraiva
Publicado: 14/01/2021 11:31  Atualizado: 14/01/2021 11:31
Participativo
Usuário desde: 22/10/2020
Localidade:
Mensagens: 37
 Re: Rega-me
Excelente poeta, bela flor
Parabéns pela inspiração poética