https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Eu vi cavalos verdes galopando no céu

 
Você acredita
que posso ver cavalos verdes
em tumultuoso tropel
galopando nos céus?
Correndo na relva de nuvens,
vão de encontro ao vento,
tão livres como meus pensamentos,
fogosos corcéis de esmeraldas,
ilhéus de verdes nimbos,
fiéis nos virentes véus,
sem labéus,
galopando nos céus.

Eu fiz a pergunta,
no entanto,
não entendi a sua resposta.
Nem sei se você respondeu,
ou manteve-se calada,
silente e serena
sem se importar
com meus sentimentos,
nem ouvir lamentos.

Eu sei,
você não concorda,
e nem acredita
que eu posso ver cavalos verdes!

Então,
você vive a sua vida,
segue seu caminho,
e nada nos une,
apenas o infinito nos separa.

Sinceramente,
mesmo se eu fingir,
fechar os olhos e imaginar,
não tenho nada de seu,
nem uma lembrança
doce para recordar,
nem um sonho
para acalentar!

Então!
Afaste esse pensar incrédulo,
e pelo menos acredite quando eu digo:
“ - Eu posso sim, ver cavalos verdes,
galopando nas pradarias do céu !”


De arrebatada figura,
sou altivo, sou forte,
não carrego lutos e mágoas,
até um dia enganei a morte,
na sua faina de colher almas
e renasci.

 
Autor
Warmien
Autor
 
Texto
Data
Leituras
594
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
2
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/03/2014 11:39  Atualizado: 26/03/2014 11:39
 Re: Eu vi cavalos verdes galopando no céu
Poeta,

Trouxestes em teu texto a magia e o mistério!

Questionamentos que somente a nossa alma é capaz de revelar...

Não há lembrança doce para recordar, mas acredite que eu sei que você," pode sim, ver cavalos verdes galopando nas pradarias do céus"...eu acredito...

Muito bom! Infinitamente bom...

Abraços,

Anggela

See you maybe...

Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 26/03/2014 12:29  Atualizado: 26/03/2014 12:29
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: Eu vi cavalos verdes galopando no céu p/Warmien
Porque havia de mentir
claro que acredito,sim,
se eu não o conheço
nem me comhece a mim.
Ninguém tem nada com isso
só a si dá o direito
de ver os cavalos verdes
não tem nada de esquisito.
Gostei imenso dos seus versos
que de outros se distingue.
E estou a falar a sério!
Um à parte: verde é a minha cor
porque eu sou do sporting.

Um abraço e muitos parabéns pela poesia, muito bonita. Vólena