https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Alma bifurcada

 
Tags:  amor    alma    sol    chuva    bifurcada  
 


Só num dia de sol consegue pensar em nós,
quando a chuva cai, ambos estamos sós.
Nublando o céu, até agora safira brilhante,
a chuva cai em linhas de cristal fino,
o firmamento, como um espelho vazio,
grisado de melancolia,virou cinzento.
As folhas das árvores tornam-se escuras,
um abismo sem fim rumo às alturas.
Em pé à janela, uma dicotomia, a alma bifurcada,
entre o dia de sol claro e a tristeza da chuva,
entre eu e você, entre nós; entre juntos e sós.




De arrebatada figura,
sou altivo, sou forte,
não carrego lutos e mágoas,
até um dia enganei a morte,
na sua faina de colher almas
e renasci.

 
Autor
Warmien
Autor
 
Texto
Data
Leituras
943
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
31 pontos
3
2
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Barbozza
Publicado: 31/03/2014 12:05  Atualizado: 31/03/2014 12:05
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2009
Localidade: Brasil - Alagoas
Mensagens: 1427
 Re: Alma bifurcada
Um poema de perguntas e respostas, mas em algum momento tudo pode ascontecer,

abraço.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 31/03/2014 12:42  Atualizado: 31/03/2014 12:42
 Re: Alma bifurcada
Poeta,

As vezes nos encontramos em estranhas dúvidas e questionamento....será? Não será?

Nunca se sabe...

Eu gosto muito da tua forma de escrever. As mensagens sempre pairam...

Continue...está valendo a pena!

Beijos,

Anggela

Tuesday...

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 31/03/2014 15:45  Atualizado: 31/03/2014 15:45
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6798
 Re: Alma bifurcada
Entre o amor e a paixão, os sentimentos que se buscam. Um magico poema