https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

25 de Abril ...

 
Pois, foi nessa madrugada,
Se ouviu "depois do adeus",
Que era a senha da "Abrilada",
A que a tropa obedeceu.


A missão era arriscada,
Mas ninguém esmoreceu,
E depois de iniciada
Todo o povo entendeu.


Eis chegada a liberdade,
E a censura nunca mais,
Nem pides, nem tarrafais,


Sentimento de verdade,
Que toda a gente queria,
Chegou a democracia...


António Boavida Pinheiro

AUTOR DE:
«Cem Poemas Diversos»
«Poemas ao correr da pena»
«Poemas em glosa»

OUTROS...

 
Autor
AntóniodosSantos
 
Texto
Data
Leituras
2728
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
1
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 05/12/2014 21:25  Atualizado: 05/12/2014 21:25
 Re: 25 de Abril ...
parabens pela boa poesia