https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Há um texto escondido que ainda não foi escrito

 
Há um texto escondido que ainda não foi escrito
Há um destino que não cabe no texto
Há um estigma e há uma cruz
Mero pretexto, a precisar de ser dito

Há uma revolta e um frenesim de luz
Na luz que emana de uma simples candeia
Um presépio de pus a escorrer
Nesta liberdade à boca cheia

Teu ventre é o meu búzio fonema
Trapézio sem mãos onde anseio morrer
Minha eterna procura, solução e poema
Palavras à espera de quem as saiba escrever

O meu texto tem pernas de mulher
Descruzadas,
Insinuantes e ofertadas
Tem olhos no que a boca disser

Por ele arrisco cair
Chegar e partir
E arriscar para começar
haja o que houver

in: «os poemas não se servem frios»


O meu verdadeiro nome é José Ilídio Torres. É com ele que assino os meus livros.
Já publiquei 10 obras em géneros diversos: crónica, romance, conto e poesia.
Foi em 2007, aqui no Luso, que mostrei pela primeira vez.

 
Autor
SilvaRamos
 
Texto
Data
Leituras
630
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
3
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/05/2014 21:36  Atualizado: 27/05/2014 21:36
 Re: Há um texto escondido que ainda não foi escrito
Poeta,

Saboreei cada palavra tua!

Um texto precioso!

Parabéns!

Beijos,

Anggela

Enviado por Tópico
cleo moreno
Publicado: 27/05/2014 22:24  Atualizado: 27/05/2014 22:24
Muito Participativo
Usuário desde: 17/01/2008
Localidade:
Mensagens: 69
 Re: Há um texto escondido que ainda não foi escrito
Havia um texto escondido, agora tu o apresentaste!
No mais....realmente tudo está por vir...
Gostei d+
Parabéns!

Enviado por Tópico
Manufernandes
Publicado: 28/05/2014 00:00  Atualizado: 28/05/2014 00:00
Subscritor
Usuário desde: 09/12/2013
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3860
 Re: Há um texto escondido que ainda não foi escrito
Muito bom!
Aplaudo-o

Abraço
manu