https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sombrios : 

Finalmente disse adeus

 
Tags:  sonhos    sorriso    vazio    adeus    eternidade  
 
"... Só então sumiram sorrisos
de prazenteira face..."

-------------------------------------------------------------


Finalmente disse adeus



Finalmente
disse adeus
aos meus sonhos
não vividos.
Só então sumiram sorrisos
de prazenteira face
de lábios que riam
quando a alma chorava
enquanto sonhos
iam embora
desfeitos em luzes
espalhadas no firmamento
levando ilusões
para o “nunca mais”.

Disse um adeus
tão sem alegria,
estéril de entusiasmo
nesse marasmo
sequer a noite fria
me respondeu.

Meu adeus se perdeu
num vácuo infinito
numa eternidade de vazio
que nem chegou a valer
sequer como despedida.

E ninguém poderá falar
que não sorri,
que não disse adeus,
ao deixar a vida.



-----------------------------------------------------------
©LuizMorais. Todos os direitos reservados ao autor. É vedada a copia, exibição, distribuição, criação de textos derivados contendo a ideia, bem como fazer uso comercial ou não desta obra, de partes dela ou da ideia contida, sem a devida permissão do autor.


" ...descrevo sem fazer desfeita,
meu sofrer e meus amores
não preciso de receita
muito menos prescritores."




 
Autor
LuizMorais
 
Texto
Data
Leituras
685
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 04/07/2014 21:02  Atualizado: 04/07/2014 21:02
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16261
 Re: Finalmente disse adeus
Poema triste e sentido! Gostei!
Beijos!
Janna

Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 04/07/2014 22:12  Atualizado: 04/07/2014 22:12
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: Finalmente disse adeus P/LuizMorais
A vida existe, sim, fez un poema lindíssimo se assim não fosse como o poderiamos apreciar?
Tudo de bom, abraço. Vólena