https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

A mágoa antiga das lágrimas

 
Não quero mais perceber o silêncio da palavra
nem o gesto incompreensível do corpo por espreitar
quero soltar esta lava que queima escondida
no fundo escorreito do meu olhar

pois que fiquem os poemas com ânsias de vida
e as mãos a amparar a mágoa antiga das lágrimas

[quão doce é os contornos delineados nas sombras]


Escrito 13/08/14
 
Autor
Liliana Jardim
 
Texto
Data
Leituras
1221
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
41 pontos
19
3
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2014 12:01  Atualizado: 14/08/2014 12:01
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Nesse texto, a autora nos mostra que quando se tem talento para esse negócio de escrever, não se precisa de um monte de palavras para um impacto, basta saber usa-las e... uma obra surge.

Favorito meu

Abraços - Pedro



Enviado por Tópico
Robertojun
Publicado: 14/08/2014 12:05  Atualizado: 14/08/2014 12:05
Colaborador
Usuário desde: 31/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 2188
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Olá, Liliana Jardim!

Um lindo poema.

Parabéns!

Abraço,
Roberto Jun


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2014 13:27  Atualizado: 14/08/2014 13:27
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
*sim, de palavras e seus silêncios vivemos, e vemos a doçura nas dores esvaídas , no cortar do imo, na pele em paixão...
Sensíveis enxergam além!
Amo tua escrita. Sempre trazes algo para mim leitora que sou, na procura da palavra escrita com qualidade e zelo.
Beijos Lili!
Ka*


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2014 13:29  Atualizado: 14/08/2014 13:29
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Linda escrita poetisa!

Mãos de anjo, de onde saem palavras de encanto e magia!

Parabéns!

Beijos,

Anggela


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2014 16:12  Atualizado: 14/08/2014 16:12
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Lindo!

Uma construção poética que emana talento e maestria, deliciosa leitura!

Gosto de vir aqui, Liliana! Obrigada pela partilha, o deleite!

Bjs,


Alice

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2014 16:12  Atualizado: 14/08/2014 16:14
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Lindo!

Uma construção poética que emana talento e maestria, deliciosa leitura!

Gosto de vir aqui, Liliana! Obrigada pela partilha, o deleite!

Bjs,


Alice

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2014 16:13  Atualizado: 14/08/2014 16:17
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Triplicou,rs


Desculpe, algo deu errado,rs.


Enviado por Tópico
F.Duarte
Publicado: 15/08/2014 07:22  Atualizado: 15/08/2014 07:22
Da casa!
Usuário desde: 17/10/2012
Localidade: foz do Rio Tejo
Mensagens: 338
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
; veio o vento pela manhã
secando as roupas na varanda

secando lágrimas suspensas
que rorejavam sem destinos. "que fiquem os poemas com ânsias de vida". Triste e belo. Obrigado Poetisa


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 28/08/2014 02:20  Atualizado: 28/08/2014 02:20
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Que coisa linda esse texto! A quadra e para ler e reler.Parabens enorme.


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 04/09/2014 02:05  Atualizado: 04/09/2014 02:05
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Fui obrigado a ler essa quadra varias vezes.Linda demais.Parabens enorme.

Enviado por Tópico
Eureka
Publicado: 18/09/2014 12:35  Atualizado: 18/09/2014 12:35
Colaborador
Usuário desde: 02/10/2011
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4260
 Re: A mágoa antiga das lágrimas
Olá Liliana

Saudade de ler seus versos.

Parabéns pelo seu belo poema. Pequeno e riquissimo poema.
Gostei muito

Abraço
Eureka