https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

De Mãos Dadas

 
Tags:  amor    paixão    mãos    enamoramento  
 
De Mãos Dadas

Nossas mãos se cruzam,
como elos inquebráveis,
unindo-nos ternamente
de paixão e de desejo.
Juntas, sentem as emoções,
inebriando os sentimentos,
fazendo pulsar os corações
e nos movem num só rumo.

Assim, enlaçados de carinho,
caminhamos, tão confiantes,
neste enamoramento eterno,
trilhas do acaso descuidado.
Sejam montes, vales, florestas,
atapetados de musgos e folhas,
nossos passos seguem ritmados
pelo pulsar de nossos corações.

De mãos dadas, ausentes de tudo,
prolongamos mil beijos amantes,
desaguamos sussurros de emoção
e ancoramos olhares cúmplices.
De mãos dadas, deambulamos sós,
no silêncio quebrado de hinos
da harmonia natural envolvente,
declamando este nosso perene amor.


Poet@ sem Alm@
João Loureiro


Open in new window

Lisboa, 02/06/2015
 
Autor
Poeta.sem.Alma
 
Texto
Data
Leituras
716
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
22 pontos
8
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
acalenta
Publicado: 02/06/2015 18:15  Atualizado: 02/06/2015 18:15
Colaborador
Usuário desde: 25/08/2010
Localidade:
Mensagens: 5385
 Re: De Mãos Dadas
Um belo poema de amor, o amor é capaz de tdo mesmo, parabéns.

abraço

acalenta


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 02/06/2015 18:36  Atualizado: 02/06/2015 18:36
 Re: De Mãos Dadas
E ficou muito bom!

Gostei muito!

Abraços,

*Anggela*


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 03/06/2015 01:40  Atualizado: 03/06/2015 01:40
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29219
 Re: De Mãos Dadas
Um prazerosos poema, que vem em direção aos olhos do amor.

belíssimo


Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 03/06/2015 03:56  Atualizado: 03/06/2015 03:56
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8696
 Re: De Mãos Dadas
Um poema de amor, dos que amo ler, porque faz bem pros meus olhos e pra minha alma. De mãos dadas, é tudo quanto o amor precisa, poeta. Parabéns mil!

Beijinhos!!