Crónicas : 

Meu corpo estava em Balaclava

 

Neste lampadário plangente que se tornou meu peito veem à mente imagens aterradoras, como se à tênue luz de candelabros flamejantes adentrasse ao adito dos santuários macabros. Não saberia dizer se foi num sonho ou numa das reencarnações. Imagens assim espocam na retina, obstinadas visões, vezes ferozes em ondas aguilhoantes. Com toda certeza, porém, digo-vos que naquele outubro de 1854, meu corpo estava em Balaclava, pairando sobre as montanhas que rodeiam o golfo ornado de um mar azul. (1) Lembro-me do céu nublado sobre os cumes e um inicio de tempestade se formando emoldurando o palco de onde as ordens atrozes eram obedecidas por perseverantes soldados.

Ainda tendo na memória versos imortais (2) recordo que logo pela manha soube do ataque dos exércitos imperiais contra o Regimento dos Highlanders. Mais tarde ouvi sobre o desatino das ordens dadas e obedecidas . (3) Como velozes vagas de imagens nítidas à luz de círios rebéis, vi quando os lanceiros partiram para o combate. Pouco mais de um quilômetro no fundo da ravina a vencer. Diante de batalhões e peças de artilharia. Vinte minutos mais tarde, a brigada já deixava mortos e feridos sobre o terreno. (4) No meio do terror instalado, grassando a cólera, disenteria e tifo soldados morriam impensados pela infecção das feridas podres mal cuidadas. Então vi uma doce Florence mitigando dores dos combalidos (5)

Desnecessários dizer sobre os germes cruéis e arbitrários da cupidez das guerras, permeadas de algozes implacáveis esticando cordéis manipuladores , mas eu vi. A princípio, a Brigada Ligeira seguiu a meio galope sob o fogo pesado de cinquenta canhões vomitando ferro e fogo. Aos poucos foi aumentando a velocidade. Em pleno galope, lanças em riste, sabres reluzindo ao som em direção aos inimigos. (6) Homens foram arrancados das selas explodindo misturados com entranhas dos cavalos. Um hussardo foi atingido por granada que lhe arrancou a cabeça. O andaluz estremeceu ao impacto mas continuo firme no galope em direção ao inimigo ate que caiu num precipício. Muitos dizem que viram o Diabo galopando entres os hussardos, incitando ao andaluzes com halito de fogo e enxofre. Dos acerbados labéis da indiferença gritante de títeres ao atos de heroísmo havidos, não havia ali nenhuma razão a não ser morrer(7)


Poemas relacionados:



Desgraçado o Outubro em Balaclava
Leia mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=257802

Tantas são as Almas tomadas de Estranho Poder
Leia mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=270551

Guerreiros não serão capítulos de discursos dispersos no ar
Leia mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=266329

O túmulo é alcova dos bravos
Leia mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=256409

Guerreiros não serão capítulos de discursos dispersos no ar
Leia mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=266329

Aos inimigos da Pátria levaremos castigos de Deus
Leia mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=264749

Alguns viram o cavaleiro no abismo depois ao Armagedom
Leia mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=261482



Notas e Referências Bibliográficas:


(1) A batalha de 25 de outubro começou quando o comandante russo Menshikov usou artilharia e cargas de baioneta para atacar três redutos em duas horas, derrotando a milícia turca que lá estava.
(2) O poema "A carga da Brigada Ligeira", de Tennyson, ainda é uma das obras mais famosas da literatura inglesa.
(3) Lord Lucan ordenou que a Brigada Ligeira e Lord Cardigan seguissem para o Vale do Norte, contra os canhões russos. Dizem que houve equivocada interpretação das ordens.

(4) 673 lanceiros partem para o combate havendo pouco mais de um quilômetro no fundo da ravina a vencer, diante de 20 batalhões e 50 peças de artilharia russas. Vinte minutos depois que os canhões abriram fogo a brigada já deixava 113 mortos e 247 feridos sobre o terreno. No final restaram vivos 195 soldados, muitos deles feridos.
(5) Florence Nightingale deu início á idéia da enfermagem e ao conceito de higiene no campo de batalha britânico
(6) Palavras de um oficial francês: "C'est magnifique, mais ce n'est pas la guerre" -"É magnifico mas não é guerra".
(7) O célebre poema “The Charge of the Light Brigade”, de Alfred Tennyson, cujos versos dizem: “Não há nenhuma razão / só há que agir e morrer”.

Fontes:

http://batalhasfamosas.blogspot.com.b ... 5-de-outubro-de-1854.html

https://pt.wikipedia.org/wiki/Balaclava_(Ucr%C3%A2nia)


 
Autor
smerdilov
Autor
 
Texto
Data
Leituras
788
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.