https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Vergonha de mirar as estrelas

 


Não saberia dizer o que sinto realmente
quando percebo cair sobre nós as luzes do céu.
Borboletas esvoaçando sobre o aroma das flores,
fazendo-me lembrar tristemente
que as estrelas se apagaram na noite tão escura,
entre o furor do nevoeiro insano
cobrindo os mastros e impedindo as gaivotas
de um sobrevoo gracioso sobre as ondas,
mesmo agora que floresceram os lilases
e uma última estrela lança raios até o infinito
acendendo faíscas em minha alma dolorida,
fazendo-me o peito queimar como fornalha.

É na solidão derramo lágrimas escondidas
com vergonha de mirar outra vez as estrelas,
desesperado porque não sofre com minhas lágrimas,
nem se preocupa com os momentos de solidão
que deixou instalados no peito tão dilacerado.

 
Autor
levyabreu
Autor
 
Texto
Data
Leituras
435
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
21 pontos
1
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ro_
Publicado: 11/03/2016 01:53  Atualizado: 11/03/2016 01:53
Colaborador
Usuário desde: 25/09/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 3985
 Re: Vergonha de mirar as estrelas

Tão lindo e triste, poeta!
Adorei conhecer tua escrita!
Um beijinho!


*-*