https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Doce veneno

 
<br />Open in new window


















Bebo um cálice desse doce veneno
Não resisto mais
Meu corpo abandona-se
Deixa-se embriagar
Sinto-o percorrer minhas entranhas
Penetrando na carne vazia
Nas veias, no coração, na razão…
Sufoco-me
Nessa adorável loucura
Sem lutas, sem barreiras
Docemente mais e mais…

De repente enegrece
Não te vejo, sinto-me só
Com esse teu doce veneno
Inflamando meu corpo…

Acordo, é um sonho, uma quimera
Fantasiada pelo meu louco coração

Escrito a 28/02/08
 
Autor
Liliana Jardim
 
Texto
Data
Leituras
4151
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
10
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Tânia Mara Camargo
Publicado: 29/02/2008 22:00  Atualizado: 29/02/2008 22:00
Colaborador
Usuário desde: 11/09/2007
Localidade:
Mensagens: 4263
 Re: Doce veneno
O amor provoca alucinações e sensações indizíveis,
adorei! Beijos!

Enviado por Tópico
Tália
Publicado: 29/02/2008 22:06  Atualizado: 29/02/2008 22:06
Colaborador
Usuário desde: 18/09/2006
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2503
 Re: Doce veneno
Será mesmo veneno???

Mais um belo poema

Beijos

Tália

Enviado por Tópico
Alberto da fonseca
Publicado: 29/02/2008 23:25  Atualizado: 29/02/2008 23:25
Colaborador
Usuário desde: 01/12/2007
Localidade: Natural de Sacavém,residente em Les Vans sul da Ardéche França
Mensagens: 7113
 Re: Doce veneno
Este seu poema, é um poema envenenado, mas emprenhado de mel.
Lindo, adorei, Liliana Maciel
Beijinho
A. da fonseca

Enviado por Tópico
De Moura
Publicado: 01/03/2008 03:14  Atualizado: 01/03/2008 03:14
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2007
Localidade: USA / NJ
Mensagens: 752
 Re: Doce veneno/ P Liliana Maciel
Mas que veneno ser somente um sonho... estava a ser tão delicioso...

Lindo como sempre todos teus poemas...

Um beijo, Alcina

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 01/03/2008 22:14  Atualizado: 01/03/2008 22:14
 Re: Doce veneno
O veneno transforma o poema num doce...a incógnita permanece até quando?
o lirismo é a única resposta...
Belo

Bjs

ConceiçãoB

Enviado por Tópico
Carolina
Publicado: 01/03/2008 22:32  Atualizado: 01/03/2008 22:32
Colaborador
Usuário desde: 04/07/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 3535
 Re: Doce veneno
É mesmo...uma loucura!
Temos sonhos por vezes
muito esquisitos!Ainda
bem que são sonhos.

beijo

Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 01/03/2008 22:57  Atualizado: 01/03/2008 22:57
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3857
 Re: Doce veneno
Sabes... não deverias ter acordado!

Há venenos que valem a pena ser tomados...

Beijo

Enviado por Tópico
Raul Cordeiro
Publicado: 02/03/2008 23:07  Atualizado: 02/03/2008 23:07
Membro de honra
Usuário desde: 23/07/2007
Localidade:
Mensagens: 671
 Re: Doce veneno
Olha tranquila a luz da tua escrita e esquece o veneno desta vida. Bj

Enviado por Tópico
Paulo Gondim
Publicado: 03/03/2008 23:16  Atualizado: 03/03/2008 23:16
Colaborador
Usuário desde: 12/11/2007
Localidade: São Paulo (com o coração no Nordeste)
Mensagens: 552
 Re: Doce veneno
Depois dos comentários de tão ilustres poetas, só me resta dizer: ENCANTADO, com tanto lirismo!
Abraços e grato por comentar "ESPERA";

Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 05/03/2008 21:38  Atualizado: 05/03/2008 21:39
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4528
 Re: Doce veneno
Obrigado, amigos.Open in new window