https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Dedicatória : 

Carta de Lisboa

 
Chegou carta muito bela
que me fala de Lisboa
e traz impressos em tela
uma flor de Florbela
e um girassol de Pessoa

De flor vermelha ao peito
a ternura de quem sente
que há sempre um verso perfeito
num sorriso atraente

Anda cá poeta Ary
anda, anda lá daí
que a tua voz ainda ecoa
navegando por Abril,
nas tertúlias, com O'Neill
e Carlos do Carmo em canoa

Anda cá poeta Ary
vem de cravo na lapela
volta, passa por aqui,
canta de novo Lisboa
sorri outra vez p'ra ela

que Lisboa em verso e prosa
ou numa tela qualquer
tem o «candor duma rosa»
e o encanto de mulher!Open in new window

 
Autor
Norberto Lopes
 
Texto
Data
Leituras
1459
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
27 pontos
7
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 31/07/2008 09:59  Atualizado: 31/07/2008 09:59
 Re: Carta de Lisboa
Ainda não tinha visto este... tão bonito e musical
Gostei muito. Beijoca


Enviado por Tópico
Kolthar
Publicado: 03/11/2010 01:57  Atualizado: 03/11/2010 01:57
Super Participativo
Usuário desde: 25/08/2010
Localidade: Lisboa
Mensagens: 153
 Re: Carta de Lisboa
Olá amigo do meu coração acabo de ler algo puramente magnifico e belo como sempre onde escreves crias arte e amor.

Um excelente trabalho levo-o comigo para os meus favoritos adoro-te beijo doce

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 07/11/2014 21:14  Atualizado: 07/11/2014 21:14
 Re: Carta de Lisboa
Fabulosa poesia essa sua,você conseguiu reunir a arte da escrita,o fado,o sentimento, a intensidade dos grandes nomes lusitanos, em uma só apresentação e tendo como cenário a bonita e única Lisboa. Que belezura,curti demais,achei altamente essa carta- homenagem.Sinceros parabéns por sua inspiração e gesto.Estou guardando nos meus favoritos,rsrs


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 08/11/2014 16:27  Atualizado: 08/11/2014 16:27
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: Carta de Lisboa P/Norberto Lopes
Lisboa, menina alfacinha
que mais bonita não há
e por que não a mais bela
se fui eu que nasci cá.
Amei que me lembrasse
tanta gente genial!
Mas também muito gostei
do seu bonito poema
que não saiu nada mal!

Parabéns. Vólena