https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Dor

 
Tags:  sexo    Masoquismo    Sadomasoquismo    sadismo  
 
Ela era dopada e sem vida
O apse de seu dia, era ser ferida
Atuante de bestialismo
Pegue minha mão cara dama
E seja bem vinda
Ao sadomasoquismo

Primeiro critério
As vezes faremos no cemitério
Aqui tem gente boa e gente ruim
Mas isso não interessa para mim
Uma hora todos chegam ao fim

Fizermos como tarados
Para mim não importa quem esta enterrado
Varinhas de plástico, açoites de cetim
Algemas e chicotes, prazeres sem fim
Dor...dor...dor...

Dor esta doendo meu amor
Mas não pare por favor
Continuaremos além e adiante
Sinto prazer com sangue

Cera derretida em sua genitália
Cortes nas coxas, feitos com navalha
Satan nos observa tomando sua breja
Espera que eu lhe entregue de bandeja
Pobre, coitado, só pode estar com inveja
Nosso sexo é com dolor
Deus nos olha com horror
Esqueça tudo isso é sinta dor

Velas derretendo, sangue escorrendo
Línguas lambendo, amantes gemendo
Pernas tremendo, seios doendo
Sexo horrendo, pessoas vivendo
Garota morrendo, com um pouco de dor
Dor(Que horror)
Dor(Sem pudor)
Dor(Dor)

"Pseudopoesia" para uma musica no estilo NIN que eu escrevi
 
Autor
Gustav.Martyn
 
Texto
Data
Leituras
314
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
24 pontos
2
3
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 26/09/2017 12:06  Atualizado: 26/09/2017 12:06
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29356
 Re: Dor
Senti esse dor dentro dos meus olhos

Enviado por Tópico
sommerville
Publicado: 10/10/2017 14:19  Atualizado: 10/10/2017 14:19
Colaborador
Usuário desde: 21/08/2011
Localidade: Porto, Portugal
Mensagens: 1005
 Re: Dor
parabéns!