https://www.poetris.com/
Poemas : 

Quadro

 




Das flores do jardim,
você não era a rosa.
Estás como música ruim,
sem versos avessos.
Dia sem comemoração,
sem a agonia do dia.
Não vale a pena
viver em oração.
As suas raízes
te levam para o fim.
Estão como tu buscas
entender a mim?
Dos frutos de ontem,
foste o que não serviu.
Foste a boa mentira
de 1° de abril.
Nunca serás a maçã
que tenho na mão.
Tu serás sempre a serpente
que corrompeu Adão.
Tu és e sempre será
dor.
Nunca...
Nunca
serás amor!






Rafael Carneiro


 
Autor
Rafaelcarma
 
Texto
Data
Leituras
102
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.