https://www.poetris.com/
Poemas -> Surrealistas : 

Primavera

 

Primavera:

Vai-se a tarde,
não são verdes os campos
as flores estão tristes
desta florida primavera.

Vejo o sol indo-se,
sereno sem piscar,
quisera ver outros campos
nele dormir e sonhar.

Ver um lago azul,
com cirnes brancos a nadar,
os pássarada cantarolar.

São apenas quimeras de mim
voarei a noite a encontrar
o brilho da lua em m´alma.

26.09.218

ltslimaOpen in new window

 
Autor
lsterreza
Autor
 
Texto
Data
Leituras
104
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.