https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

TEU QUADRIL NA CALÇA JEANS

 

Pisando firme no asfalto ouço ao som do salto quinze
Não duvido que tu passas sei que dobras na esquina
As minhas vistas te alcançam é assim desde menina
Exalando sempre um perfume que é fato me alucina.

Teu quadril na Calça Jeans marcada pelos contornos
Tem sido o meu suborno pensando nela arriada
Em minha cama deitados eu afagando os teus cabelos
Descendo a mão pelo teu busto até alcançar teus pelos.

Não tenho tido sossego meus sonhos são contundentes
São muitos os teus apelos começam pelos teus dentes
Tua cintura fina, o quadril arrebitado muito nos desatina.

Eu te avistei na cantina tomando um suco natural
E então mudei minha sina tornei-me um apaixonado
Pela pessoa que tu és neste lindo corpo delgado.


Enviado por Miguel Jacó em 19/01/2019
Código do texto: T6554831
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Miguel Jacó

 
Autor
Migueljaco
 
Texto
Data
Leituras
205
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Carii
Publicado: 21/01/2019 09:55  Atualizado: 21/01/2019 09:55
Colaborador
Usuário desde: 28/11/2017
Localidade:
Mensagens: 1772
 Re: TEU QUADRIL NA CALÇA JEANS
A moda evolui para favorecer o corpo da mulher. Na sua maneira de ser e estar. A calça jean é predominante.. mas um vestido sempre cai bem. Gostei da poesia.. tornei-a num verdadeiro cenário! Abraço.

Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 21/01/2019 18:15  Atualizado: 21/01/2019 18:18
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 6563
 Re: TEU QUADRIL NA CALÇA JEANS
Meu caro amigo, não só está atento às falhas dos polícos do seu grande Brasil, mas também à beleza feminina desse Brasil de encantos e paixões. A visão que torna seus poemas tão belos e encantadores, como essa menina de calças jeans.

Abraço!
upanhaca