https://www.poetris.com/
Sonetos : 

HIPOCONDRÍACO

 
Tags:  SONETOS 2019  
 
HIPOCONDRÍACO

Sinto meu coração bater cansado
Como fizesse força desmedida
Mantendo involuntário a minha vida,
Depois d'eu ter amado mal e errado.

Do que não tem remédio, remediado
Eu sigo com a mente entorpecida,
Antes que a morte ou coisa parecida
Me leve d'uma vez para o seu lado.

São doses e mais doses de veneno
Que então faço correr por minhas veias,
Não para me curar, sim esquecer.

E, embora meu semblante tão sereno
Me faça desdenhar culpas alheias,
Do que me mata não hei-de morrer!

Betim - 10 03 2019


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
167
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ZESILVEIRADOBRASIL
Publicado: 11/03/2019 18:28  Atualizado: 11/03/2019 18:28
Membro de honra
Usuário desde: 22/11/2018
Localidade: RIO - Brasil
Mensagens: 189
 Re: HIPOCONDRÍACO
permita-me homenagear seu poema assim:


meu abraço caRIOca