https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Clima pesado

 
Tags:  vento    estio    pipas    atmosfera.  
 
Clima pesado.

No momento estou sem assunto
Nem sei o que eu vou escrever
Penso no tempo, mas não muito
E o vento de agosto escuto bater

Não está calor e nem muito frio
E há vários dias a chuva não vem
Só a poeira levanta com o estio
As pastagens estão secas também

A criançada solta pipa pelos ares
Laranjas estão caindo nos pomares
E o sol está triste, todo amarelado

Que venha novamente a primavera
Para clarear e limpar a atmosfera
E poder aliviar este clima pesado.

jmd/Maringá, 09.08.19






verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
139
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.