https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 ... 14 »
Textos deste autor
Offline
Conservatória
Rasgos
Por que me rasga pedindo gentileza? O belo se foi, transbordou e ardeu... Sabes que sempre fui s...
Enviado por Conservatória
em 26/09/2020 14:58:10
Textos deste autor
Offline
HELDER-DUARTE
Vácuo
Eis que caminho no vácuo do esquecimento, Em mim próprio, não, passo de um tormento, que no mundo...
Enviado por HELDER-DUARTE
em 15/09/2020 23:01:41
Textos deste autor
Offline
Conservatória
MOMENTOS
#MOMENTOS Para dizer tudo o que tem que ser dito... Tudo vem ao seu tempo... Basta observar os s...
Enviado por Conservatória
em 10/09/2020 17:21:10
Textos deste autor
Offline
Conservatória
MOMENTOS
#MOMENTOS Para dizer tudo o que tem que ser dito... Tudo vem ao seu tempo... Basta observar os s...
Enviado por Conservatória
em 10/09/2020 17:20:58
Textos deste autor
Offline
Conservatória
MOMENTOS
#MOMENTOS Para dizer tudo o que tem que ser dito... Tudo vem ao seu tempo... Basta observar os s...
Enviado por Conservatória
em 10/09/2020 17:20:38
Textos deste autor
Offline
Conservatória
TARDE
#TARDE Como a solidão sinto esse frio que me invade... Severa e sem piedade... Mergulho nessa tr...
Enviado por Conservatória
em 25/08/2020 21:42:07
Textos deste autor
Offline
João Marino Delize
Vento do norte
Vento do norte A vida é como o vento do Norte Que bate três dias sem parar E quando ocorre ass...
Enviado por João Marino Delize
em 14/08/2020 14:40:49
Textos deste autor
Offline
João Marino Delize
Passos lentos
Passos lentos Veja este lindo gado que apascento Que anda pela invernada sossegado E vai neste...
Enviado por João Marino Delize
em 07/08/2020 14:41:44
Textos deste autor
Offline
Conservatória
SOMBRAS ABANDONADAS
Flores para pisar... Um caminho para seguir... Um beijo do vento... A vida para sentir... Não pa...
Enviado por Conservatória
em 22/07/2020 23:24:46
Textos deste autor
Offline
HELDER-DUARTE
Joaquim
Joaquim! O vento parou! O mar está sereno... E nesse teu calmo, mar! Olha! Olha os peixes, no seu...
Enviado por HELDER-DUARTE
em 15/07/2020 15:19:25
Textos deste autor
Offline
João Marino Delize
A felicidade
A felicidade Um dia a felicidade bateu em minha porta E sem me dizer nada por aí foi ficando S...
Enviado por João Marino Delize
em 12/07/2020 20:41:28
Textos deste autor
Offline
marilda
Cante
  Cante para mim canções de amanhecer, faça sua voz mais forte que o vento que viaja pelo espaço,...
Enviado por marilda
em 12/07/2020 00:18:52
Textos deste autor
Offline
Lvccas
Je ne sais quoi!
Infinitas palavras não podem traduzir, O sentimento, Não tenho o bastante para poder proferir, Ta...
Enviado por Lvccas
em 04/07/2020 22:22:54
Textos deste autor
Offline
Conservatória
Rosa
#ROSA Por mais que outras pessoas pintem o mundo de outras cores... Aqui dou atenção ao rosa... ...
Enviado por Conservatória
em 26/06/2020 19:51:13
Textos deste autor
Offline
João Marino Delize
Mensagem
Mensagem Estou passando em campos uivantes Onde o vento bate quase sem parar Então, paro e penso...
Enviado por João Marino Delize
em 14/06/2020 15:33:40
Textos deste autor
Offline
Conservatória
AMANHECEU
#AMANHECEU E o sol libertou minha alma imortal... Abri minhas asas... E voei então... A lua no ...
Enviado por Conservatória
em 27/05/2020 23:26:20
Textos deste autor
Offline
nereida
Nada sei
O que sou? Não sou nada Sou menina, sou poeta Sou nuvem inquieta ...
Enviado por nereida
em 23/05/2020 21:04:18
Textos deste autor
Offline
João Marino Delize
Trigal ondulado
Trigal ondulado Lembro-me agora de uma tarde primaveril Em que os trigais se ondulavam pelo vent...
Enviado por João Marino Delize
em 18/02/2020 19:32:38
Textos deste autor
Offline
LucianoSpagnol
POETANDO O VENTO (soneto)
Melancólico, gemem os ventos, em secas lufadas No cerrado do Goiás. É um sussurrar de ladainha Em...
Enviado por LucianoSpagnol
em 10/02/2020 11:58:33
Textos deste autor
Offline
LucianoSpagnol
VENDAVAL NO CERRADO (soneto)
Áspero, entre os uivos, em lufadas nos buritis De um constante sussurrar de uma ladainha Prelado ...
Enviado por LucianoSpagnol
em 24/01/2020 13:55:09
(1) 2 3 4 ... 14 »