https://www.poetris.com/
Poemas : 

Aldravias 38 ( em série)

 
Tags:  Crime ambiental  
 

quem
são
esses
desalmados
jogando
petróleo

no
oceano
aonde
estão
os
criminosos?

nossos
satélites
para
que
servem
ibama?

as
autoridades
competentes
esse
governo
federal?

o
que
estão
escondendo?
queremos
respostas!

tartarugas
marinhas
animais
algas
corais
morrendo

do
nosso
nordeste
tão
sofrido
mas

munido
de
paraísos
praias
paradisíacas
verdadeiros

santuários
em
águas
nornas
cristalinas
peixes

cardumes
que
comem
nas
nossas
mãos

basta
ração
coloridos
como
arco
íris

Os
passeios
sejam
de
lanchas
tacamarãs

quem
visita
sempre
volta
nas
noites

cálidas
lua
cheia
namorados
passeiam
cantam

canção
de
amor
tocando
seu
violão

seresteiros
da
noite
olhando
firmamento
estrelado

meu
Deus
socorro
nossa
praia
obra

de
tuas
mãos
que
haja
união

homem
não
faça
mais
divisão
união

força
amor
natureza
feitura
do
senhor!

Mary Jun
22/10/2019


Mary Jun
Enviado por Mary Jun em 22/10/2019
Reeditado em 22/10/2019
Código do texto: T6776389
Classificação de conteúdo: seguro


Mary Jun

 
Autor
Maryjun
Autor
 
Texto
Data
Leituras
72
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/10/2019 20:38  Atualizado: 22/10/2019 20:38
 Re: Aldravias 38 ( em série)
tens umas almofadas muito jeitosas mas nada mais que valha a pena. mas o que são almofadas! é preciso mais que isso para... socorro... se me agarrasse às almofadas morria e não vale a pena morrermos por pouca coisa. tem uma boa noite jeitosa


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 24/10/2019 00:59  Atualizado: 24/10/2019 00:59
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16261
 Re: Aldravias 38 ( em série)
Mary
Estamos esperando respostas e providências rápidas para salvar nossos ecossistemas e recuperar nossas praias! Obrigada pela partilha!
Beijos!
Janna