https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Jornada

 
Tags:  mente    cansaço    jeito    bicicleta    plano    mobilete  
 
Jornada.

Uma noite quando para casa eu voltava
Nessa época tinha os meus vinte anos
Desanimado eu tinha em mente planos
Impossíveis, pois tão pouco eu ganhava

Morava longe do serviço e de bicicleta
Todo dia tinha que fazer essa jornada
Muito cansado eu percorria a estrada
Com sonho de comprar uma motoneta

Na época havia a Garelli, uma mobilete
Mas a prestação não cabia no balancete
Então o jeito era ter que ir pedalando

Foram quase cinco anos de sofrimento
Que agora estão em meu pensamento
Que venho a recordar de vez em quando.

jmd/Maringá, 31.03.20


verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
85
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
33 pontos
1
4
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
IsabelRFonseca
Publicado: 31/03/2020 16:37  Atualizado: 31/03/2020 16:37
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2013
Localidade: Algures em Portugal
Mensagens: 3039
 Re: Jornada


Nunca perder a esperança...

um abraço poeta João Marino Delize