https://www.poetris.com/
Poemas : 

VIAS PARALELAS

 
Tags:  vida    alma    beijo    gemea    fatalidade    paralelas  
 
Andei a vida inteira
de encontro à tua alma,
que pensei
ser minha alma gêmea...

Procurei o sonho inteiro
de ter as tuas mãos nas minhas,
que julguei
ser um porto seguro...

Aspirei o caminho inteiro
o teu beijo amoroso,
que tentei
saborear com antecedência...

Sonhei tanto, tanto,
esse encontro de almas
de corpos, e de mentes...

Porém – fatalidade –
Nossas vidas
foram vias paralelas
destinadas a nunca se encontrar
em nenhum ponto comum,
em nenhuma esquina
em nenhuma rua
da minha vida.

Sim....

Vias paralelas,
seguindo, indiferentes
um ao outro,
(menos o meu sonho
de te amar...)

Saleti Hartmann
Professora e Poetisa
Cândido Godói-RS

 
Autor
SALETI HARTMANN
 
Texto
Data
Leituras
93
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.