https://www.poetris.com/
Poemas -> Saudade : 

Escrevo-te para contar como estou

 
Nem o silêncio pode impedir minha voz
O meu grito que ecoa pela campina verdejante
A saudade que não consigo esconder no peito
Voa como os pássaros na primavera exuberante
Os meus pensamentos vão mais longe do que o horizonte
E escrevo-te para contar como estou nesse instante.

Há no meu coração um amor tão sublime
Uma saudade que nem o tempo consegue apagar
Eu procuro seu olhar por onde ando
Na esperança de um dia novamente te abraçar
Imagino aquele amor que vi em seus olhos
Trazendo a mim a paz que vivo a buscar.

Escrevo-te para contar como estou a viver
E como você faz parte do meu coração
Não consigo esquecer a sua beleza
Que afastou de mim um dia a solidão
Em mim é tão profundo o sentimento
Que não consigo esquecer a minha paixão.

Se amar tão profundamente assim é castigo
Não posso os deuses do amor culpar
Eu amei seus olhos lindos pela primeira vez
Pois acreditei que pudesse me amar
Não sabia que poderia um dia partir
E dessa forma tão solitária me deixar.

Em meu coração há uma grande esperança
De que um dia possas trazer-me felicidade
Você é a flor mais bonita do jardim da existência
O que digo sai do coração e é verdade
Se não fora assim tão singela
Não estaria a sofrer tanto assim de saudade.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
84
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
1
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
MicaelaFerreira
Publicado: 23/02/2021 18:48  Atualizado: 23/02/2021 18:48
Da casa!
Usuário desde: 22/10/2020
Localidade:
Mensagens: 226
 Re: Escrevo-te para contar como estou
Que rica inspiração. Saudações poéticas!

Carpe diem