https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

AR-210510 (Furtivo)

 
.
.
.
Não temei retaliações se teus olhos deambularem acidentalmente ou não
por entre meus versos...
Todos os pensares afastaram-se há muito
de ti para que haja risco dalguma represália,
ou qualquer senão...
Não há barreiras, cismas, perguntas, e
sequer contestações e expiações...
Meus poemas e canções estão todos
à sua disposição antes e após o ocaso...
Abri todas as gaiolas deliberadamente
antes do anúncio crepúscular, para que
a inspiração voe definitivamente liberta;
copule e se reproduza abundantemente
sem supervisão e culpa...
(ZéSilveira)

 
Autor
ZESILVEIRADOBRASIL
 
Texto
Data
Leituras
567
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
6
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Srimilton
Publicado: 12/05/2021 02:30  Atualizado: 12/05/2021 02:30
Colaborador
Usuário desde: 15/02/2013
Localidade: Nenhuma
Mensagens: 1874
 Re: AR-210510 (Furtivo)
Gostei de ler, Zé, apesar de ficar no limbo da compreensão.
Como vai as coisas por aí? tudo bem?




Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 12/05/2021 04:19  Atualizado: 12/05/2021 04:19
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade:
Mensagens: 826
 Re: AR-210510 (Furtivo)
Faz bem a muitos de nós que tua inspiração se prolifere incontida e nos dê os poemas que aguardamos a leitura. Cheios de cor e música nos preenchem os ouvidos como só os dias de verão de Ipanema nos preenchem os olhos. Saudações.