https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 5 »
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
FLECHA CERTEIRA ((letra/Vídeo)
Título - FLECHA CERTEIRA MPB - Samba Autor - Letra/Melodia/Voz/Violão; ZéSilveira https://youtu....
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 13/08/2020 02:29:36
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
ALTAS HORAS
. . . Instintivamente ou não, tua mão ainda pousa no meu peito enquanto durmo; Quieto... Finjo; p...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 12/08/2020 03:28:00
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
CALMARIA
. . . Neste átimo não agitarei minhas águas Não há mais neblina encobrindo esse enlace Quero as n...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 08/08/2020 04:15:22
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
POR ISSO (Letra/Vídeo)
Título - POR ISSO (Que eu vou pra boemia) MPB - Samba Autor - Letra/Melodia/Voz/Violão: ZéSilvei...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 06/08/2020 04:30:14
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
OUSADIA
. . . Não sou jardineiro, mas cultivo mil flores em sambas canções... Desbravador não sou, mas on...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 05/08/2020 04:10:15
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
AMPULHETA
. . . Advindo do infinito o eco das palavras... Do seu tempo, o Homem artífice no seu próprio tem...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 02/08/2020 04:28:24
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
`EXTREMIS`
. . . Espreitava; mas o verso não mais ecoou... Solitário poeta; preferiu morrer... ‘um tiro n...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 31/07/2020 03:56:48
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
DISPLICENTE
. . . Tenho-te imagem em silhueta cristalizada, posando para mim em perspectiva sombreada. O lado...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 29/07/2020 04:08:53
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
ESTILHAÇOS
. . . Para o poeta, basta-lhe o poema para compreender o adeus. Para o poema; suficiente é a lág...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 28/07/2020 04:31:21
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
POETICAMENTE PREVISTO
. . . Tornar-me-ei invisível!... Apenas dentro d'alguns corações sensíveis, raros, inflados ...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 24/07/2020 05:09:17
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
INSTALAÇÃO
. . . Um inquieto pêndulo range dentro do peito meio as engrenagens ante o súbito sofrer de um ve...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 23/07/2020 04:22:21
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
DECRÉPITO
Tutti i venerdì vestiva di bianco; bianco candido, perfino i calzini. Oggetto degli sguardi di ...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 22/07/2020 18:36:10
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
CANÇÃO DO POETA Á FLOR
. . . D`um poeta como eu de várias centelhas, notas alvissareiras são buquês trazidos em mãos, pé...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 21/07/2020 03:48:07
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
LUNAÇÕES
. . . Uivos no cimo despertaram-me. E vi-te majestosa como da prima vez, mas não me basta luz, pr...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 20/07/2020 04:30:35
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
POR ACASO (Letra/Vídeo)
Título: POR ACASO MPB - Samba canção Autor: Letra/Melodia/Voz/Violão - ZéSilveira https://www.yo...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 19/07/2020 04:16:01
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
POEMA TRANSGRESSOR
. . . No caminho tinha uma pedra; no sapato também tinha. Sempre lembrada de noite, e tão incômod...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 16/07/2020 19:37:57
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
ATRÁS DA JANELA
. . . nem sempre gosto da chuva inda mais quando estou só me dá uma angústia danada não sei se an...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 14/07/2020 15:13:14
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
CASA AMARELA
. . . Foi uma bela casa amarela. Lá era o abrigo dele... Era lá o refúgio dela... Por fora, O s...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 13/07/2020 02:56:59
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
ÚLTIMO OLHAR
. . . Pétalas mortas caem do alto, cobrem-na, envolvem-na de calma e de perfume... A cal será a ...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 11/07/2020 04:09:16
Offline
ZESILVEIRADOBRASIL
ORQUÍDEA SELVAGEM (Letra/Vídeo)
Título: ORQUÍDEA SELVAGEM MPB - Samba Autor: Letra/Melodia/Voz/Violão - ZéSilveira https://www.y...
Enviado por ZESILVEIRADOBRASIL
em 03/07/2020 22:08:40
(1) 2 3 4 5 »