https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Melodia

 
Tags:  poema    reflexão  
 
Ondas se espalham em sons,
quebram espumas e melodias,
unindo ouvidos e corações,
compondo intensas sinfonias.

Instrumentos pulsam tensos
em contidas batidas ritmadas,
reverberando nos batimentos
os mais profundos sentimentos.

A percussão marca sua presença
na marcação de idas e vindas,
na cadência que o tempo avança.

As cordas são dedilhadas pelo vento
que, além, sopra metais em sortilégio
convicto de seus etéreos privilégios.

 
Autor
Helio.Valim
 
Texto
Data
Leituras
70
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.