https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Natais do passado

 
Tags:  tempo    lembrança    gente    diferença    leitoa.  
 
Open in new window

Natais do passado

Agora que está chegando o Natal
Lembro que foi tudo bem diferente
E o que ocorria antes normalmente
Que agora não ocorre mais como tal

No dia vinte e quatro de dezembro
A gente ia à cidade na missa do galo
Mas já ocorre um enorme intervalo
Do tempo que não vou nem lembro

No Natal se assava frango e leitoa
Isso para a gente era uma coisa boa
E também tinha vinho e refrigerantes

Agora já não erguemos essa taça
Parece que agora não há mais graça
Pois não tem aquela mágica de antes.

jmd/Maringá, 24.11.21



verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
65
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
1
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 27/11/2021 00:31  Atualizado: 27/11/2021 00:31
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17496
 Re: Natais do passado
Poeta
O Natal parece ter perdido a graça, porque o covid continua, o desemprego só aumenta, assim como o preço do combustível, do gás de cozinha, dos alimentos! Apesar de tudo não podemos desanimar! Temos que confiar que essa fase ruim irá passar e que 2022 será um ano melhor para todos! Boas Festas!
Abraço!
Janna