https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

*NO SILÊNCIO DA PALAVRA*

 
<p align="center">Open in new window

<font color="#006600">*No Silêncio da Palavra*

Vejo no silêncio o retrocesso da palavra
A confissão que no seio se agasalha
Na calada, que o olhar matreiro trava
Num turbilhão de emoções, muralha.

Palavra, a expressão do pensamento
Na abstenção, o silêncio canaliza o eu
Ambos adversos em seu recolhimento
Tornam-se inimigos abstêm-se do apogeu

Dá-me a palavra mesmo em desagravo
Para que dela ascenda em direção
O colóquio do diálogo em construção

Que a palavra seja da vida escrava
Com toda a imensidão do seu poder
Manifesto do amor, alimento do crescer

Sogueira<center></font>


Livros Publicados:
- Por Justa Causa - contos
- Nas Entrelinhas (200 sonetos)
- A Pequena May - juvenil
-Datas Comemorativas em Poesias
-Eu Poesia, Contos e Crônicas
-No Reino de Sininho, infantil
- A Janela Azul
- Contação de História Infantil...

 
Autor
SoniaNogueira
 
Texto
Data
Leituras
910
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Henrique Pedro
Publicado: 15/05/2008 17:27  Atualizado: 15/05/2008 17:27
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2007
Localidade:
Mensagens: 3821
 Re: *NO SILÊNCIO DA PALAVRA*
Lindo, muito lindo mesmo. Merece ser relido. Beijinho