https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Liberdade, fraternidade, solidariedade

 
Cerrei o punho
Com três palavras dentro
Que tirei do rascunho
De um discurso fácil...
Dei-lhe o cunho,
Marca indelével
De um sonho
E deitei-as para o povo
Que as levantou alto,
Tão alto...
Que acabaram por fugir...
Outra vez!

Valdevinoxis


Nas troikas não há camaradas e da camaradagem não nascem troikas.


 
Autor
Valdevinoxis
 
Texto
Data
Leituras
4382
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
PedroLopes
Publicado: 19/02/2007 20:15  Atualizado: 19/02/2007 20:15
Colaborador
Usuário desde: 02/11/2006
Localidade: Montargil-Ponte de Sor
Mensagens: 703
 Re: Liberdade, fraternidade, solidariedade
Embuido pelos idiais da Revolução fzeste um magnifico poema... à Valdevinoxis...

Marcas um estilo próprio de poesia...

Abraço poeta