https://www.poetris.com/
 
Mensagens -> Desabafo : 

A tua viagem

 
A tua viagem para o além deixou dor mais amarga e sofrida que um dia eu pensei vir a sentir.
Quando soube da tua partida o meu coração quase me abandonou, minha alma ficou gelada, o meu ser se petrificou.
Senti que parte de mim tinha ido contigo nessa viagem sem regresso.
A imagem que tenho de ti é a nossa última conversa de sábado.
Quando me lembro que partiste sem te despedires de mim depois daquele sábado, a minha dor aumenta.
Mas... compreendo que não querias que eu sofresse com tua partida repentina por isso não nos voltamos a ver em nenhum dos momentos mais doloroso pelo qual um ser humano pode passar.
Como consolo tento recordar o nosso último encontro, mesmo assim não consigo aceitar a forma como partiste.
Sabes pai, as saudades que deixastes com esta tua viagem sem regresso deixa um vazio enorme dentro do meu peito, onde muitas da vezes me faltam as forças para continuar a viver.
Sei que não é isto que tu esperas de mim, mas Prometo-te que vou tentar encontrar forças dento de mim para continuar a VIVER.

Amo-te muito pai e espero que descanses em paz


Todos os meus textos estão registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais (IGAC)

 
Autor
DeboraAndrade
 
Texto
Data
Leituras
996
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 06/09/2008 19:40  Atualizado: 06/09/2008 19:40
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Pai
Solidarizo-me consigo nessa dor, nesse sofrimento, e imagino que as palavras da sua carta foram arrancadas com amargura ao mais profundo do seu ser.
Um grande abraço. Lembre-se onde quer que seja onde o seu pai se encontre, está a sorrir-lhe e a mandar-lhe o cheiro de uma rosa.
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 06/09/2008 23:21  Atualizado: 06/09/2008 23:21
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11172
 Re: Pai
Debora,
A recente perda de um ente-querido é uma dor aguda e um turbilhão de emoções muito grande.
Sei como doi.
importa muita oração para lhes dar muita luz e Mantê-los vivos dentro do nosso coração, assim estarão sempre connosco.
Um grande beijinho
Nanda