Textos -> Tristeza : 

Permanência na ausência

 
Da rua se sentia o ar frio que arrepiava a branca cortina da janela, da rua se ouvia o mudo grito perdido no eco do silêncio. A morte tinha sido há três dias. Ninguém ouvira nada no prédio, ninguém vira o corpo. E as trevas entravam naquela casa...
As investigações decorreram, as cerimónias também. Houve velório, houve funeral, mas não houve corpo...
Poucos amigos, poucos inimigos...assassínio sem motivo aparente. A casa intacta, vestígios de crime inexistentes. A revolta estava presente na casa sem o derrubar de um objecto visível, o sangue fora derramado...psiquicamente.
Suicídio? Impossível! Ninguém vira o corpo, a alma já não estava ali...
Mero desaparecimento...E um sentimento penetrava quem olhasse aquela janela. A morte estivera além...
E ainda hoje o mistério, o desconhecido permanece. Ninguém vira o meu corpo. A alma já não estava ali...

 
Autor
SóniaCorreia
 
Texto
Data
Leituras
2505
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Le Tab
Publicado: 18/04/2007 16:44  Atualizado: 18/04/2007 16:44
Membro de honra
Usuário desde: 02/02/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 1458
 Re: Permanência na ausência
A l já não estava ali porque deixaste aqui, ao fazer da tua escrita algo ainda mais belo. Acrescentar um bocado neste site e transformando ainda mais belo. Obrigado por nos dar a oportunidade de te ler. beijos.

Enviado por Tópico
Vera Sousa Silva
Publicado: 18/04/2007 16:52  Atualizado: 18/04/2007 16:52
Membro de honra
Usuário desde: 04/10/2006
Localidade: Amadora
Mensagens: 4098
 Re: Permanência na ausência
Lindíssimo texto maninha! Triste e profundo, toca-nos mesmo!
Gostei muito!

♥*´¯`*Beijinhos*´¯`*♥

Enviado por Tópico
Tytta
Publicado: 18/04/2007 17:07  Atualizado: 18/04/2007 17:07
Colaborador
Usuário desde: 22/02/2007
Localidade: Portugal
Mensagens: 789
 Re: Permanência na ausência
Fiquei sem palavras para comentar este texto.
Muito mortal, muito misterioso e ao mesmo tempo muito verdadeiro "a alma já não estava ali"
Adorei.
Tytta

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 18/04/2007 17:45  Atualizado: 18/04/2007 17:45
 Re: Permanência na ausência
Lindissimo este seu texto:)

Parabéns;)