https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Árvores

 
Árvores
 
A madrugada sorriu,
em lágrimas de chuva
caídas em fortes rajadas
vindas do nada, por vontades
mal amparadas, entre folhas
caídas amarelas enrugadas.

Árvores juntas separadas
que se entrelaçam, amadas
por ventos trazidos
em trovoadas cinzentas azuladas.

Em ruas secretas, entrada abertas
inundam ópio sagrado
e espalham no céu
alacridade deserta.

Onde o universo acorda
em plena energia e harmonia
estrelas polares, rosas ancestrais
em gelo derretem e o sol tem energia
que à manhã diz bom dia.
Onde o Inverno se entrega ao Verão
em plena harmonia.


Cristina Pinheiro Moita /Mim/

 
Autor
mim
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1642
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
28 pontos
20
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
LuisaMargaridaRap
Publicado: 13/11/2008 19:52  Atualizado: 13/11/2008 19:52
Colaborador
Usuário desde: 19/08/2008
Localidade: Portalegre - Alentejo
Mensagens: 1512
 Re: Árvores
MiM,

Dos mais lindos poemas seus que já li,

« Árvores juntas separadas
que se entrelaçam, amadas
por ventos trazidos
em trovoadas cinzentas azuladas.

Em ruas secretas, entrada abertas
inundam ópio sagrado
e espalham no céu
alacridade deserta. »

Lindo, e encorpado o seu poema, adorei

Beijinhos

Luisa Raposo


Enviado por Tópico
Gothicum
Publicado: 13/11/2008 20:22  Atualizado: 13/11/2008 20:22
Da casa!
Usuário desde: 21/09/2008
Localidade: Galáxia de Andrômeda
Mensagens: 427
 Re: Árvores
... Favoritos. Obrigado por escrever e partilhar.


Enviado por Tópico
Alberto da fonseca
Publicado: 13/11/2008 20:47  Atualizado: 13/11/2008 20:47
Colaborador
Usuário desde: 01/12/2007
Localidade: Natural de Sacavém,residente em Les Vans sul da Ardéche França
Mensagens: 7113
 Re: Árvores
Em ruas secretas, entrada abertas
inundam ópio sagrado
e espalham no céu
alacridade deserta.

Lindisimo poema. Mim destaco esta passagem que adorei

bjs poetisa
A. da fonseca


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 13/11/2008 20:53  Atualizado: 13/11/2008 20:53
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: Árvores
Sua inspiração anda a mil!Merece aplausos por tão bela composição!


Enviado por Tópico
SMACC
Publicado: 13/11/2008 21:03  Atualizado: 13/11/2008 21:03
Super Participativo
Usuário desde: 23/04/2008
Localidade: Alhos Vedros
Mensagens: 133
 Re: Árvores
Bela poesia gostei muito de ler
beijo

smacc


Enviado por Tópico
MariaSousa
Publicado: 13/11/2008 21:13  Atualizado: 13/11/2008 21:13
Membro de honra
Usuário desde: 03/03/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4096
 Re: Árvores
Gostei muito deste poema dedicado às belas árvores.

Bjs


Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 13/11/2008 23:03  Atualizado: 13/11/2008 23:03
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: Árvores
Gostei imenso.
Beijos


Enviado por Tópico
Karla Bardanza
Publicado: 13/11/2008 23:26  Atualizado: 13/11/2008 23:26
Colaborador
Usuário desde: 24/06/2007
Localidade:
Mensagens: 3491
 Re: Árvores
Mim de Meu Coração!

Teu poema me levou para o além de mim!

Belo Amiga!

Um beijão!

Karla BardanzaOpen in new window


Enviado por Tópico
zizo
Publicado: 13/11/2008 23:59  Atualizado: 13/11/2008 23:59
Da casa!
Usuário desde: 10/10/2008
Localidade:
Mensagens: 216
 Re: Árvores
Lindo lindo lindo!
Mim a sua poesia é um hino à beleza!
Como gostei deste enlace de aconchego.

Beijo


Enviado por Tópico
Tânia Mara Camargo
Publicado: 14/11/2008 00:09  Atualizado: 14/11/2008 00:09
Colaborador
Usuário desde: 11/09/2007
Localidade:
Mensagens: 4263
 Re: Árvores
Mim seus poemas são deliciosos,
há tanta docilidade e meiguice,
adorei! Beijos!