https://www.poetris.com/
 
Textos : 

A gata fez-se leoa

 
A gata fez-se leoa. Saltou em defesa do lar.
Aprendeu num instante a poetar. E pô-lo a pensar…
Quem és, para onde vais? Onde me levas? Conduzes tu?
Essa é boa.
Eu não quero ser conduzido. Eu lidero não sou seguidor. Lidero as marchas pelo Amor. Lidero a corrente literária virtual. Sim eu sou o tal. O que não ficará oculto na história. De quem se falará mais tarde na escola.
Não mordas leoa. Beija meus lábios de fel. Enrola em mim gata amarela de mel.

 
Autor
sofiaplatónica
 
Texto
Data
Leituras
1310
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.