https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Góticos : 

A profecia maldita

 

Chamo-me raiva
E estou grávida
De um grito agudo
Que carrego
Dentro de mim

Foi gerado à força
Numa cópula maldita
Num beco escuro
Entre o fio de uma navalha
E uma parede fria

Hei-de pari-lo
Numa noite destas
Quando voltarem os lobos
E uivarem em coro
A uma lua incandescente

Nesse preciso momento
Algo rasgará o silencio
E ouvir-se-à
Um eco estridente
De um grito medonho
Que galgará
Os muros do crepúsculo
Até ao cabo do infinito...

Devastará cidades
E províncias
Ensurdecerá os vivos
Paralisando-lhes o resto dos sentidos
E ressuscitará os mortos
Que se erguerão dos seus túmulos

Nesse dia
Cumprir-se-à a profecia
De todos os demónios
Que na terra habitam
Há milénios
Disfarçados de homens comuns...

E alguém anunciará a boa-nova
Que ditará os destinos
De um mundo decrépito
Corrompido e moribundo
Mesmo à beirinha do colapso

Nesse dia
Ouvir-se-à
De uma voz cavernosa
Uma só frase

Uma frase curta
E seca...
Nasceu a besta!

<object width=2" height="2"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/W2I5jpEIa3s& ... t;</param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/W2I5jpEIa3s& ... 0x999999&autoplay=1" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="2" height="2"></embed></object>
Open in new window









*... vivo na renovação dos sentidos, junto da antiguidade das lembranças, em frente das emoções...»

Impulsos

coisa pouca

Aproveitando os últimos dias em que ainda se podem usar imagens e músicas...
 
Autor
cleo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2046
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
32 pontos
24
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/05/2009 18:17  Atualizado: 14/05/2009 18:17
 Re: A profecia maldita
...

soberbo!

Enviado por Tópico
Edilson José
Publicado: 14/05/2009 18:21  Atualizado: 14/05/2009 18:21
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2008
Localidade: SP
Mensagens: 5591
 Re: A profecia maldita
Espetáculo!
Abraço
Edilson

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/05/2009 18:38  Atualizado: 14/05/2009 18:39
 Re: A profecia maldita
a cada segundo da minha vida, eu fico maravilhado com a capacidade do ser, em dominar a poesia.

emocionado aqui poetisa. junto-me aos dos poetas do andar de cima, apondo os mesmos adjetivos.

um beijo e afetuoso abraço Cleo.
Silveira

Enviado por Tópico
Henrique Pedro
Publicado: 14/05/2009 18:47  Atualizado: 14/05/2009 18:49
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2007
Localidade:
Mensagens: 3821
 Re: A profecia maldita
Aplaudo de pé, com ambas as mãos. Muito haveria que dizer sobre este poema, mas melhor seria poder ouvi-lo bem declamado, por uma "diseur" com bastante carga dramática.
Acredito que a poesia poderá exorcismar a besta do apocalipse que parece rondar a Terra.
Não baixemos os braços.

Beijinho

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/05/2009 19:04  Atualizado: 14/05/2009 19:04
 Re: A profecia maldita
Muitos Parabéns pela força dramática e cénica que nos arrasta sem fôlego.

Beijinho,

Paulo Galvão

Enviado por Tópico
RoqueSilveira
Publicado: 14/05/2009 19:34  Atualizado: 14/05/2009 19:34
Colaborador
Usuário desde: 31/03/2008
Localidade: Braga
Mensagens: 8225
 Re: A profecia maldita
Muito forte. Beijo

Enviado por Tópico
joseluislopes
Publicado: 14/05/2009 20:24  Atualizado: 14/05/2009 20:24
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade:
Mensagens: 3351
 Re: A profecia maldita
Minha amiga
Os meus sinceros parabéns pelo belíssimo poema.
Não me surpreendeu com a qualidade, apenas me “assustou” com o tema.
Queira anotar ou averbar esta minha profecia sobre a maneira como escreve: brevemente, será recompensada não pelos demónios mas por todos aqueles que gostam de LER.
Um beijo

Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 14/05/2009 20:27  Atualizado: 14/05/2009 20:27
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4528
 Re: A profecia maldita
Um espectáculo de poema poetisa, com a tua assinatura.


Beijinhos
Tudo de bom para ti amiga...sempre

Enviado por Tópico
Gothicum
Publicado: 14/05/2009 20:30  Atualizado: 14/05/2009 20:30
Da casa!
Usuário desde: 21/09/2008
Localidade: Galáxia de Andrômeda
Mensagens: 427
 Re: A profecia maldita
"Perder uma batalha não é mais que a obrigação de ganhar outra."
(José Martí)

Amiga só tu para escreveres assim! E sabes que falo de coração!Fica bem! Beijos!

Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 14/05/2009 22:37  Atualizado: 14/05/2009 22:37
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: A profecia maldita
Poesia com um tema de terror, mas que tem seus encantos.Muito interessante.

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 14/05/2009 23:56  Atualizado: 14/05/2009 23:56
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: A profecia maldita
Cleo,
O fruto da violência só poderá vir a ser uma besta.
Excelente retrato de uma realidade tão triste e chocante.
Beijinhos na alma
Nanda

Enviado por Tópico
MALUBARNI
Publicado: 15/05/2009 17:34  Atualizado: 15/05/2009 17:34
Da casa!
Usuário desde: 09/05/2009
Localidade: Viila Nova de Gaia
Mensagens: 294
 Re: A profecia maldita
Uauuu!Primoroso!Lembra o filme que anda em cartaz Anjos e Demônios.Tua criatividade está em alta.Malu

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 15/05/2009 19:25  Atualizado: 15/05/2009 19:25
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: A profecia maldita
Cleo:
Que poderei eu acrescentar a tudo o que aqui já foi dito.

O que poderá gerar a violencia,os maus sentimentos,a c´pula da raiva e do desespero,nada de bom.
Sublime.

Beijo

Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 15/05/2009 22:50  Atualizado: 15/05/2009 23:29
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3857
 Re: A profecia maldita
Meus amigos e companheiros de palavras
Este será um comentário que servirá o propósito de vos agradecer a todos. Desde já peço desculpa de não o fazer individualmente, mas quem por aqui anda há mais tempo sabe que não é hábito meu fazê-lo. Não que não o mereçam, mas porque o tempo não costuma abundar muito e por isso prefiro gasta-lo a visitar quem gosto de ler também. Se não for hoje nem amanhã, pode ser que seja no outro dia a seguir, que visitarei quem eu quero, gosto e respeito, agradecendo desta forma a generosidade e a atenção de quem me lê.

Um beijo a todos, sem excepção!

Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 15/05/2009 23:21  Atualizado: 15/05/2009 23:21
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: A profecia maldita
S U B L I M E ! ! !

Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 17/05/2009 00:57  Atualizado: 17/05/2009 00:59
Colaborador
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 3389
 Re: A profecia maldita
Cleo,

poema que retratas o ser humano, são os anjos negros a devastar a terra.
Teu talento é grandioso.
Meus aplausos!

Fhatima

Enviado por Tópico
luisalpsimoes
Publicado: 17/05/2009 20:25  Atualizado: 17/05/2009 20:25
Colaborador
Usuário desde: 02/03/2009
Localidade: Ansião
Mensagens: 591
 Re: A profecia maldita
Cleo,

Excelente, não tenho mais palavras.
PARABÉNS.

Beijinhos

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 18/05/2009 16:54  Atualizado: 18/05/2009 16:54
 Re: A profecia maldita
Impressionou-me!!!!

Enviado por Tópico
Caopoeta
Publicado: 18/05/2009 17:18  Atualizado: 19/05/2009 11:27
Colaborador
Usuário desde: 12/07/2007
Localidade:
Mensagens: 2027
 Re: A profecia maldita
...enquanto estavas para "parir" eu já tinha "parido"! com todo respeito pelo tema e pelo teu poema!mais...aqui onde a musica nos envolve... cuidadosamente bem escocolhida!

pari da janela
pedaços de vidro ao
suor do rosto
deleito-me nas
rodas de ferro
o Corvo
debica
ao corpo
o tempo
lento no
parir da janela
fragmentos
de vidro,
subiram ao céu
rodopiando no sentido
contrario, nus
aos ponteiros do relógio
pari da janela
estrelaçadas
asas de pássaros quebradas
podridão e fedor...
pari da janela
máquinas fotográficas,
filmes e negação
da aurora
ou ondas de um sonho
ao parir da janela
a
angústia...lá
como o resquicio vermelho
pari
um sorriso ou
escarro podre
de pernas abertas
no ocular cego...cego!
o aborto
escorregou ao parir!



Enviado por Tópico
camelodasquintas
Publicado: 19/05/2009 00:16  Atualizado: 19/05/2009 00:16
Participativo
Usuário desde: 03/02/2008
Localidade: Curia-Portugal
Mensagens: 26
 Re: A profecia maldita
olá poetiza!gostei de a ler neste poema (macabro)!!

muita imaginaçao de revoltados sentimentos.
que dava um guiao pra um belo filme de terror!
bjss,


Enviado por Tópico
Tânia Souza
Publicado: 21/06/2009 19:10  Atualizado: 21/06/2009 19:10
Da casa!
Usuário desde: 10/04/2008
Localidade:
Mensagens: 207
 Re: A profecia maldita
Em tom expressionista, captando em versos e cadências toda a angústia destes dias febris, um poema sublime e dolorido, parabéns!