https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

PEDAÇOS

 
 
Gente bonita
merece ter
o que faz uma festa
não é o champanhe
onde você deveria estar?
Solidão na sela...
O blefe
a ajuda do céu
fora da lista
o micro sem onda
o golpe das notas
tiros na mata
o lugar da emboscada.
Social cai em desuso!
Máquina domada
amizade colorida
nuvem da morte
batalha sem sangue.
Emprego caro
voto vencido
frágil furação
ar nos pulmões.
Nas pistas certas
errei no redemoinho
males cruzados
ligações perigosas
vai fazer o seu pulso disparar.
Voo no ar puro
salto de cristal
uma nova arrancada
na lei da selva.
O espetaculo não pode parar!
Primeiro lance
um banho-maria
onda do leite
pense em milhões.
Uma volta vigorosa
uivos de um novo tipo
aventuras medievais
para iniciados
desfile encantado
monumentais e confusos.
Não se vive sem um teto
reduzir o aínda explosivo
ou estacionar para crescer.





Rosilene S. Adams

 
Autor
Rosilene
 
Texto
Data
Leituras
617
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.