https://www.poetris.com/

 
« 1 2 (3) 4 5 6 7 »
Offline
Fénix
Ler-te
Que juízo ausente é este que a ti me segura Quando tacteio o teu corpo dunas de deserto Poros de ...
Enviado por Fénix
em 20/01/2009 11:33:20
Offline
Fénix
Pedaços de mim...
Por vezes sinto-me pedaço de mim Como a folha que abandona a árvore mãe… una Deixo-me cair… voar ...
Enviado por Fénix
em 19/01/2009 12:48:43
Offline
Fénix
Domador de Palavras...
Sou ser simples na incompreendida complexidade Desenhador de poesia ferida de saudade Sou navegan...
Enviado por Fénix
em 16/01/2009 11:18:39
Offline
Fénix
A Cavalgada...
Criatura selvagem de crinas ao vento Desdobras o tempo do tempo neste momento Cavalgo no teu ser…...
Enviado por Fénix
em 15/01/2009 09:05:13
Offline
Fénix
Vulcão...
Rasgados sentires que por mim lavram Como as tuas garras quando em mim se cravam Penetram por ent...
Enviado por Fénix
em 14/01/2009 08:30:44
Offline
Fénix
Maldita Morte...
Já te procurei… mas não te encontrei Sei no meu sentir que já te fintei Ouvi o teu sussurro e ign...
Enviado por Fénix
em 29/12/2008 15:42:00
Offline
Fénix
Mal acompanhado...
Hoje não me sinto bem no meu ser Não sei algo me falta… e não consigo ver Fecho os olhos e não me...
Enviado por Fénix
em 25/12/2008 20:01:27
Offline
Fénix
O mergulho...
Sentido mergulho no teu mar Apneia voluntária no meu respirar Bolhas de ar que se soltam do meu a...
Enviado por Fénix
em 23/12/2008 11:39:21
Offline
Fénix
Quem Será???
Um minuto... um momento Parece que lá ao fundo alguém se lembra mim Oiço o seu chamamento O meu ...
Enviado por Fénix
em 22/12/2008 11:48:59
Offline
Fénix
Sociedade Condenada...
Existências... aves livres em gaiolas de regras Neste mundo de acólitos entre muros de pedras Ond...
Enviado por Fénix
em 17/12/2008 11:55:43
Offline
Fénix
Abandono do Sono...
Olhos raiados de vermelho Pupilas condenadas ao exílio Sumidas num ido destelho Sem rumo ou auxi...
Enviado por Fénix
em 16/12/2008 11:06:12
Offline
Fénix
Sinto-me Inteiro...
Sinto-me inteiro Ladeado por tantas conjecturas São o meu roteiro Minhas sendas nas noites mad...
Enviado por Fénix
em 15/12/2008 16:10:10
Offline
Fénix
Desenhar o Futuro
Espírito atulhado de pormenores Insignificantes Males menores Ou arrogantes Cubro-me da tua luz ...
Enviado por Fénix
em 15/12/2008 14:09:38
Offline
Fénix
Criança ...esperança...
Criança de olhos perdidos Na imensidão deste mundo Pensamentos não contidos Nem pela infinidade d...
Enviado por Fénix
em 15/12/2008 09:19:20
Offline
Fénix
Memória...
Tenho memória de mim Historias dentro de historias sem fim Tenho memória de nós Amores dentro de ...
Enviado por Fénix
em 12/12/2008 09:07:13
Offline
Fénix
Consciência Madura....
Caíram de mim pérolas de cristal... ...diamantes em bruto gotas de mim... organismo sobrenatura...
Enviado por Fénix
em 11/12/2008 10:55:17
Offline
Fénix
Luz...
Luz... criada de quê? Não sei de onde vem Não sei a sua razão ou porquê Apenas sei que se tem ou ...
Enviado por Fénix
em 10/12/2008 10:45:42
Offline
Fénix
Saber Ouvir
Acrósticos sentires perdidos no mar Ao sabor das ondas a divagar Sentir pelas palavras que outros...
Enviado por Fénix
em 09/12/2008 11:14:22
Offline
Fénix
Estou Fodido...
Se na minha alma reza o hino do dever cumprido Se nas horas vazias de nada estou arrependido Se n...
Enviado por Fénix
em 28/11/2008 10:35:13
Offline
Fénix
Sem Alento
Sentir de que mim partes... marca de sangue vermelho Sinto-te partir... naco arrancado de mim......
Enviado por Fénix
em 26/11/2008 12:03:38
« 1 2 (3) 4 5 6 7 »