Luso-Poemas
Registre-se agora!     Entrar

Links patrocinados



Menu de poemas

Quem está aqui

111 visitantes online (36 na seção: Poemas e Frases)

Escritores: 1
Leitores: 110

A.C.O.R , mais...

Licença

Licença Creative Commons

Proteção anti-cópia

Protegendo os seus poemas com Tynt

Poemas : 

Transparência

 



Clique para ver a imagem original em uma nova janela





Seremos nós transparentes?
acaso já conhecemos alguém
que seja completamente
transparente?

Alguns escondem algo sobre a forma
comportamental dos seus filhos,
outros escondem algo que não se
atreveriam a dizer sobre os seus
cônjuges, e outros ainda acerca
daqueles que dizem ser seus amigos.

De alguma forma uns escondem-se
atrás de preconceitos, outros atrás
da sua cultura, outros atrás da falta
de tempo, que quase sempre fazem questão
de mencionar, para não fazerem nada mais
do que aquilo que pretendem fazer,
sem se incomodarem muito com aquilo
que poderiam e deveriam fazer...

Nos dias de hoje muitos se escondem
atrás da forma neurótica de se acharem
sempre com a razão e não admitem
as suas falhas...

Muitos têm tendência a esconder-se
atrás dos seus símbolos de status
que têm na sociedade,e são especialistas
em esconder-se atrás dos seus títulos
académicos, buscando posição social
e outros valem-se de contas bancárias,
todos estes valem-se daquilo que têm
para aparecer...

O ser humano de todas as raças e culturas
seja de que condição social forem,
têm uma tendência histórica tão enraizada
de camuflar os seus defeitos e não admitir
as suas insanidades maquilhando-as.

É necessário que saibamos quem somos
que retiremos toda a maquilhagem
e que limpemos todos os disfarces
para que o amor possa brotar
sem que as cores sejas mascaradas
por pinceladas artificiais,
amando genuinamente com excelência!

Os piores disfarces não são aqueles
que se escondem uns dos outros,
mas aqueles que muitos escondem
de si mesmos, são esses que levam
os traumas para o túmulo,
ao invés de os restaurarem nesta vida
concertando-os e acertando-os.

Que possamos cada vez mais falar
da nossa nudez em vez de falarmos
da nossa roupa...

Que possamos olhar para o nosso passado
como uma época de lutas e que tenhamos
a coragem de falar delas dando testemunho
das nossas vitórias...

É chegado o momento oportuno em que
saldaremos as nossas dívidas,
encarando de frente os nossos débitos
com a vida.

Que possamos extrair um belo e harmonioso
pensamento do nosso mestre: Estar doente
é uma escolha humana, mas continuar doente,
poderá ser, a nossa maior estupidez, que
o nosso Deus não aceita que escondamos,
Ele apenas admite as nossas tolices e
imperfeições, mas não admite que as
maquilhemos, camuflando-as...

Que seja a nossa humildade
o caminho de regresso ao melhor
de nós, para que possamos
ter a vontade de deixar cair
o que nos rouba a tempo
e abraçar o que nos espera
rumo à felicidade, vencendo
e sendo cada vez mais felizes,
alegres e transparentes
uns com os outros...

Alice Barros
Autor
MelMartins
Autor
Textos deste autorMais textos
Rss do autorRss do autor
EstatísticasEstatísticas
 
Texto
Data
Leituras 909
Favoritos 1
Licença Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
Enviar este texto a um amigoEnviar
Imprimir este textoImprimir
Salvar este texto como PDFCriar um pdf
Partilhar
0
0
0
Recentes
Coloquei docemente as minhas mãos em cada coração !
De olhos fechados suspensa no ar
Como chuva miúdinha!
Neste desabotoar da minha alma!
Os teus olhos meu amor!
Aleatórios
Doar
Quais são as nossas limitações mais dolorosas?
Sempre a amar-te meu amor!
O amor!
O Meu jeito de dizer que te amo!
Favoritos
A minha árvore e a tua - Raul Cordeiro
MARGINAL (letra, voz e violão) - zésilveiradobrasil
Evolução - Nanda
Fragilidades - gilcelia
O VERSO QUE ARDE - GeMuniz
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 21/01/2011 23:05  Atualizado: 21/01/2011 23:06
 Re: Transparência para Mel Martins
Querida amiga , saúdo o teu regresso , que bom !
Não é fácil comentar este poema !
E agora ?
A transparência enquanto sinceridade do ser para consigo mesmo espelhando-se nos outros escasseia ... na verdade ser autêntico esbarra na muralha do outro que armado até aos dentes com as vestes desta Era de capitalismo desenfreado , de aparências Armani, MTV , Jaguar, etc ... dum Jet Set podre e difundido universalmente por todos os midias, o outro que por mais que se vista se encontra cada vez mais nu , nu porque desgarrado da essência humana! Não sei se a forma plástico-metálica que cobre o tecido social é causa ou consequência da transparência ausente , ou se ambas as coisas.Uma coisa eu sei - a nudez urgente é outra ! É aquela em que o sentimento , os valores humanos , têm que unir-se ao Homem que os gerou para enfrentar o maior desafio de todos os tempos - vencer a difícil "guerra" da hipocrisia reinante !

Beijos , querida amiga e abraços a todos vós !

Enviado por Tópico
MelMartins
Publicado: 21/01/2011 23:46  Atualizado: 21/01/2011 23:48
Colaborador
Usuário desde: 02/06/2010
Localidade:
Mensagens: 941
 Re: Transparência para SOMMERVILLE
Querido amigo, Jorge!

A transparência é sem artefactos, não traja de gala ela vê-se em todos os ângulos e não tem cor é inócua, este poema foi escrito à algum tempo e hoje como estava numa de postar reflexões, calhou-me este, movido pelo Espírito e porque se vivem hoje momentos que nos tiram o fôlego e nos apetece entrar numa campânula, qual ovni, rumo ao céu para deixar este mundo que cada vez mais carece de verdade e de sanidade moral e espiritual, onde reina a falta de amor e a falta de humanidade, porque de doença todos padecemos ou vimos a padecer mais cedo ou mais tarde, mas essa é a única de que não podemos reclamar, porque ou vem e vai... ou vem e fica... corrói e deixa sequelas... e ou acabamos por aceitar e viver com elas certos de que a vida é mais do que quereres mas ela é apenas feita de saber ser e saber viver com excelência rumo à academia celestial.

Obrigado pelo teu comentário, presença e que assim como eu possas restabelecer tão logo e possas regressar em grande.

Beijos e carinhos nossos

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 22/01/2011 00:02  Atualizado: 22/01/2011 00:02
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 16344
 Re: Transparência
aer transparernte é ser coerentecom o errente.
Sertransparente é si transparecer com palavras.
Ser transparente .É com o silêncio siplismente abservar. Uma maravilha de poema deixo meua abraço

Martisns

Enviado por Tópico
MelMartins
Publicado: 22/01/2011 00:06  Atualizado: 22/01/2011 00:06
Colaborador
Usuário desde: 02/06/2010
Localidade:
Mensagens: 941
 Re: Transparência
Muito grata por ler e abraçar a alma do poema!

Singelas saudações

Alice Barros

Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 22/01/2011 01:01  Atualizado: 22/01/2011 01:01
Colaborador
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 7695
 Re: Transparência
Texto límpido, didático, coerente, verídico, sábio, mágico e transparente. "Se todos fossem no mundo iguais a você!..." o mundo seria uma deliciosa brincadeira onde todos seriam justos e felizes. Encantado mais uma vez com tanta doçura decantada tão habilmente. Beijos e tudo de bom, Menina!

Enviado por Tópico
Sterea
Publicado: 22/01/2011 13:36  Atualizado: 22/01/2011 13:36
Colaborador
Usuário desde: 20/05/2008
Localidade: Porto
Mensagens: 3090
 Re: Transparência
Li e tomei:

Deus,
nosso Deus,
por que nos deste
a capacidade
lúdica
da opacidade...?
Se nos fizesses
água corrente,
livre e pura,
ah!,
certo seria
que nos farias
muito mais gente...


Beijinho, Alice.

Login

Usuário:

Senha:

Recordar senha



Esqueceu a senha?

Registre-se gratuitamente!

Leia também

Comentários Recentes

Luso Pensamentos

Frase

É incrível que, no intuito de justificar as nossas crenças, coloquemos Deus na terra e o Homem no céu

(Garrido)



A folha

A folha cai no verão.
( Era folha de papel)
Não consigo pegá-la
Porque o vento é forte
E me leva para longe.

Matheus



Insanidade perfeita

Sinto-me cansada
Já me faltam as palavras!
As que saboreio entre dissabores
Da minha própria loucura
Já não sinto o meu corpo
As vogais consomem-no
Adormece em brandas consoantes
Ficam tantas frases por dizer
Aquelas,
Que já não consigo escrever,
Falta-me a força
A caneta começa a tremer
Soluça.
O meu olhar constrói
O que meu pensamento rejeita
Esta sou eu,
A doce mulher
A insana, poeta...

(ConceiçãoB)



Tempestades

Tudo em mim, são dias de tempestades...
Por isso entrego minha alma à poesia
E meus dias a escrever versos
E meto uns poemas em velhas garrafas
E as levo para as águas intermináveis dos mares
- revoltos e tristes -
E as lanço, na singela esperança
De que um dia alguém os leia
Ainda que meus pés não estejam mais sobre este chão
E meu corpo tenha sido já lançado no ventre desta terra impura
E minha alma tenha também partido
- para a imensidão do infinito com que sonho,
ou para o abismo solitário que me amendronta...

(Vanessa Marques)


vaga-lume

... beijar-te

- era ser
pássaro azul
dedilhando ugabe

era levitar
beber das nuvens
e desfolhar os céus

era um doce caminhar
sem tocar o chão
estirpes desaguando
em aljôfar...

era dédalo a calar-me
se acontecia
cascata de sonhar-me
na boca que feliz
se fenecia

- e era livre
sendo chama
toda asas
vaga-lume
brilhante
como quem ama.

(RoqueSilveira)


Nós de poesia

A vida é feita de incompletudes...
Como os bares de mesas vazias
Nas calçadas
Ou as longas estradas
Repletas de nada dos dois lados

Ainda assim, escrevo
Mesmo sabendo que em mim
desatam-se nós de poesia
E atam-se outros em seguida.

O fato é que
Daquilo que me resta
Faço-me humanamente completa
meramente humana...

(Vanessa Marques)



Frase

"Amor" é o presente dado sem esperança de retorno,
e o que esperamos é apenas que não seja rejeitado

(Junior A.)



Frase

Como posso explicar
Esta dor
Invasora
Da minha alma
Senão dizer
Que és a mentira
Mais verdadeira
Da minha vida...?

(Raquel Naranjo)



Frase

O amor é como a justiça:
Injusto e cego.

(TrabisDeMentia)



guardanapos

do nosso beijo,
muralhas

do nosso amor,
migalhas

do nosso verbo,
mortalhas

dos nossos papos
poemas
em guardanapos

(Niké)



Sexto sentido

Tenta ouvir o silêncio...
Ver a luz na escuridão profunda...
Cheirar o aroma da mais pura água...
Sentir a textura do vento...
Saborear a doçura do sal...
Quando o conseguires...
Irás te descobrir...

(gera)



Só saudade

Dor que sente
Dor que não se mede
Que vai e vem

Com a vida vou rolando
Com a dor vou buscando
Talvez alívio...

Quando doer que seja
Sem deixar morrer
Só saudade...

(amasol)



A foz

Se cada coisinha que eu sei correspondesse a um rio... E se cada um deles desaguasse na mesma foz...Esta não teria senão o tamanho de uma bacia bem pequenina na qual eu refresco os meus cansados pés. Os rios seriam tão curtos quanto a minha felicidade, tão estreitos quanto a minha existência, tão secos quanto a minha solidão. Mas talvez, talvez bem no fundo da bacia, talvez para lá das lágrimas turvas, e para que eu me possa orgulhar, talvez sorriam dois peixinhos, que eu, apesar da distância possa contemplar! E quem sabe... Uma flor se incline e faça nascer, na foz uma flor que eu possa colher!

(TrabisDeMentia)
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...